quinta-feira, 22 de abril de 2010

Review: Festival (Jon Oliva's Pain)

Festival (Jon Oliva’s Pain)
(2010, AFM)


Aproveitando o longo hiato, aparentemente infinito, dos Savatage, Jon Oliva tem-se desmultiplicado nos seus outros projectos Trans Siberian Orchestra e Jon Oliva’s Pain. Com os primeiros lançou, no ano passado Night Castle, o quinto trabalho do projecto e com os Pain publicou, já este ano, Festival, a quarta proposta que surge dois após Global Warning, o seu antecessor. E apesar do nome festivo desta nova proposta o que se verifica é que Jon Oliva aparece-nos muito mais soturno e negro que em qualquer outro trabalho. A sua voz rouca e inconfundível está lá presente, mas os seus ritmos compassados e guiados pelo seu piano estão mais ausentes em detrimento do aumento da carga dramática e da densidade das guitarras. No fundo algo que já transpirara no seu álbum anterior num tema como Master. Só ao quarto tema, Afterglow, o piano de Oliva se faz sentir, mas ainda assim, de uma forma muito subtil. Apesar de tudo, este Festival surpreende-nos logo de inicio com uma sequência de temas muito interessantes, a começar em Lies e a terminar em Living On The Edge. Esta primeira metade do trabalho é extremamente valiosa em termos de riffs e de solos e apresenta alguns pormenores deliciosos como a secção final de Afterglow onde Jon Oliva arrisca umas incursões jazzisticas que se revelam preciosas. A segunda metade do álbum não nos parece tão bem conseguida. Começa com um curto tema acústico, com as guitarras bem limpas, inclusive no solo, que aproxima o colectivo daquilo que os Tiamat fizeram, por exemplo, em algumas faixas de Amanethes; e acaba por terminar de forma estranhamente tranquila com Now, um tema calmo e sinfónico em tons acústicos e de piano. Pelo meio mais dose de peso obscuro, bem puxado nas guitarras, riffs poderosos, onde um tema como Winter Heaven se mostra a sequência lógica da escola Oliviana. Não sendo um mau trabalho, porque Jon Oliva sabe bem como fazer as coisas, este Festival acaba por parecer ser, apesar de tudo, um dos momentos menos inspirados do compositor norte-americano.

Track List:
1. Lies
2. Death Rides A Black Horse
3. Festival
4. Afterglow
5. Living On The Edge
6. Looking For Nothing
7. The Evil Within
8. Winter Heaven
9. I Fear You
10. Now

Line up: Jon Oliva (vocais, teclados), Matt LaPorte (guitarra), Tom McDyne (guitarra), Kevin Rothney (baixo), John Zahner (teclados), Chris Kinder (bateria)
Internet:
http://www.myspace.com/jonoliva
http://www.jonoliva.net/
Edição: AFM (
http://www.afm-records.de/)

Sem comentários: