Review: Suicidal (E.D.G.E.)

Suicidal (E.D.G.E)
(2011, Edição de Autor)

É indiscutível: a cena metal nacional está cada vez mais pulverizada e simultaneamente mais descentralizada. Por um lado são cada vez mais os jovens coletivos de qualidade a surgirem e a apresentarem bons registos. Por outro lado, assistimos cada vez mais à emergência de grupos de qualidade exteriores ao habitual círculo formado pelos perímetros urbanos das grandes cidades, Porto e Lisboa. Neste particular, o Alentejo tem-se revelado, nos últimos tempos, como um importante alfobre de nomes com capacidade criativa. Os E.D.G.E. são uma das mais recentes criações da planície e Suicidal é o seu primeiro EP constituído por 5 temas de thrash/death metal. A produção está longe de ser perfeita, mas isso não é impeditivo de se perceber que estes rapazes estão a construir algo de interessante. A capacidade técnica demonstrada nos solos (brilhante em Whaterver It Takes) e as mutações criativas que conseguem introduzir nas estruturas dos temas são as provas cabais disso. Aparentemente, a principal pecha parece ser o capítulo vocal, nomeadamente nos limpos, e mais notória num tema como, por exemplo, One Love Song. Isto, independentemente de mesmo nesse campo o coletivo mostrar possuir boas ideias. Os jogos vocais em Suicidal até são interessantes e poderiam resultar muito melhor, com mais trabalho nesse capítulo. Resta agora ao quarteto aplicar-se, dedicar-se, corrigir o que está menos bem, aperfeiçoar o que está muito bem e não parar. Contamos convosco para o futuro…

Tracklist:
1. Breakdown
2. MHGP
3. One Love Song
4. Suicidal
5. Whatever It Takes

Line-up:
Rui Figo - Voz, guitarra
Sandro "Cica" - Voz, guitarra
Jorge Trindade - Baixo
Nuno Barriga - Bateria

Internet:

Comentários