domingo, 21 de agosto de 2011

Review: Morte (Silverdollar)

Morte (Silverdollar)
(2011, Massacre)

Têm um nome que lembra a moeda Americana e um álbum com um título português mas são suecos. Nasceram em 1996 mas passaram os primeiros dez anos da sua carreira como tribute/cover band. São os Silverdollar, que após um hiato de 4 anos apresentam a sua estreia para a germânica Massacre. Morte, o título genérico desta nova proposta apresenta mais de cinquenta minutos de bom, genuíno e poderoso heavy metal, feito como mandam as regras e as tradições. Uma batida forte, linhas de baixo assombrosas, muito groove, refrães catchy, riffs muito bem conseguidos, solos fantásticos e muito poder unem-se para criar um conjunto de verdadeiros e inesquecíveis hinos heavy metal. Temas como CO2, Evil Never Sleeps, H.F., Morte ou (Still) A Rocker prometem colocar o nome de Silverdollar no topo do metal atual, pela forma inovadora e criativa como combinam o tradicional heavy metal, com apontamentos de power metal, thrash metal e até algo de stoner rock. A base remete-nos claramente para os ícones do género, ou seja, Judas Priest ou Iron Maiden, os primeiros pelos picos de velocidade; os segundos pelas cavalgadas épicas. Pontualmente aparecem apontamentos de outras áreas, como o baixo, com um trabalho que se pode enquadrar no que faziam as bandas de thrash metal da Bay Area (Overkill e afins…). Omnipresente está uma capacidade invulgar do vocalista, perfeitamente à vontade nos momentos mais calmos e mais agressivos, nos mais graves e nos mais altos. Com todos os elementos a executar num patamar elevadíssimo, com um nível de composição soberbo, Morte tem todas as condicionantes para se tornar a curto prazo numa obra clássica do género.

Tracklist:
1. CO2
2. Damage Done
3. Eternal Glory
4. Evil Good
5. Evil Never Sleeps
6. Hear Me
7. H.F.
8. Morte
9. Raging Eyes
10. Rot
11. (Still A) Rocker
12. Three Finger Man

Line up:
Ola Berg - guitarras
Mats Hjerp - bateria
Fredrik Hall - baixo
Esa Englund – vocais

Internet:
Edição: Massacre Records

Sem comentários: