Entrevista: Under The Pipe

Valério Paula não perde tempo. Depois do EP Past And Future e do álbum Star Over Again, ambos deste ano, tem já pronto para ser lançado em janeiro, mais uma vez em formato exclusivamente digital, um novo EP intitulado Fix You, You Are Not Alone. Fomos, mais uma vez, saber as motivações e sentimentos que nortearam o músico na criação desta obra e ficamos a saber que, afinal, Under The Pipe se prepara para ir para palco. Confiram.

Novo trabalho e não deixa de ser curioso ter um título onde referes que não estás sozinho, quando todo este disco voltou a ser feito em solitário, certo?
Correctíssimo... só que aqui eu refiro-me à vida. Em todos os momentos estamos rodeados de pessoas, na escola, no trabalho, nas ruas ou mesmo nas redes sociais. As pessoas muitas vezes sentem-se só, mas é preciso que se concentrem e se concertem mentalmente para não se sentirem assim. Podemos a todo momento estar acompanhados, seja de um amigo de anos, um amor recente ou companheiro virtual...

Quais são as tuas expectativas para este lançamento, sendo um álbum tão pessoal?
Quero pô-lo em prática... acho que os blogs, sites e revistas de música que têm comentando o trabalho me deu aquela vontade de voltar a atuar ao vivo, coisa que havia morrido há dois anos atrás. Quero ver como o Fix You, You Are Not Alone resulta ao vivo... sabemos que não é música para estar aos saltos e sim para ouvir e estar a apreciar com uma boa bebida na mão.

Que sentimentos estão mais expostos neste trabalho?
Aqui em Fix You, You Are Not Alone, deixei o lado do passado e futuro, para transpor o presente, acho que continua a dizer sobre o tempo que passamos a pensar nas coisas... mas ainda acredito que cada tema vai deixar o ouvinte ter a sua própria perceção do que quer sentir... por isso eu estou adorando este monstrinho chamado Under The Pipe.

E mudaste alguma coisa em termos de composição e/ou gravação para este novo EP?
Sim... tentei explorar o lado mais rock e a bateria, apesar do som da mesma poder ter ficado um pouco melhor, mas nada que enfraquecesse o trabalho. Ainda consegui uns bons temas, na minha perceção da coisa, passar o que queria, para além da ausência do baixo em alguns deles... O que vai dar um trabalho extra ao baixista João Lourenço, que integrou recentemente os Under The Pipe. Pois é, a partir de janeiro de 2012, os Under The Pipe, e seu post rock, vão começar a ensaiar para dar futuros concertos nas pequenas salas de Portugal...

Portanto, pelo que depreendo, e ao contrário do que estava previsto, vamos ter os Under The Pipe ao vivo?
Sim, já temos uma formação a ser testada em ensaios e espero que sejam as pessoas certas. Se assim for sem dar grandes prazos, espero no meio ou final de março de 2012 esta agendando datas para Under The Pipe atuar... provavelmente começaremos num clube local aqui do Barreiro/Portugal. Já falei com o organizador de lá e temos uma apresentação garantida para quando estivermos com os temas na ponta dos dedos (risos)

Numa anterior entrevista referias que não seria muito possível alargar a base de instrumentistas. Também já mudaste de ideias a este respeito?
Estava convicto disso, mas agora estou curioso para ver a reação das pessoas a esta mistura sónica de noise experimentalista com bases mais suaves... a ver vamos se também gostam ao vivo já que as versões de estúdio estão a ser bem aprovadas...


Fala-me da tua ligação à Awal UK. Como aconteceu?
Olha, a Awal, tem assinado grandes artistas pelo globo inteiro, principalmente em Portugal e como já havia conversado com eles em 2009 na época de Skewer resolvi voltar a entrar em contacto agora. O Steve deu-me total carta branca e o apoio dele e da Awal na distribuição de Under The Pipe. Tenho agora focado em deixar as pessoas cientes da existência do projeto que está a dar os primeiros passos e vamos precisar de toda ajuda possível e muita paciência para chegar a mais pessoas e em Portugal é preciso trabalhar muito para que as pessoas ouçam algo antes de ir as rádios... e é tarefa árdua onde não deve existir stress. O momento agora é de ir ensaiando e curtir estar nos palcos, nos bares, nos clubes, onde for possível.


Extra UTP, que outros projetos tens planeados e/ou estás atualmente envolvido?
Como um projeto requer tempo e dedicação, tenho dado total atenção a esta nova cria, afinal quando nos dividimos em vários, as coisas não fluem como deve ser, pois alguma sempre fica com menos atenção. Por isso gosto de me dedicar a uma única cena. Já basta que trabalhamos, temos as nossas famílias e sonhos à parte... De resto vamos tentar tocar um ou dois temas de cada trabalho e ver o que o público pensa a respeito de Under The Pipe ao vivo. Aproveito para relembra a discografia de Under The Pipe: Past And Future EP - 2011 - MIMI Records (Japan/Portugal) (exclusivamente digital); Start Over Again CD - 2011 - Believe Digital/Virgin (exclusivamente digital); Fix You, You Are Not Alone - 2012 - Awal Records /Believe Digital/Virgin (exclusivamente digital). Finalmente convido-te para fazeres parte do Facebbok Oficial em http://www.facebook.com/pages/Under-The-Pipe/164653436920236

Comentários