sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Review: Ocho For Willow (Starroy)

Ocho For Willow (Starroy)
(2012, Chuck Husky)
 
Já o escrevemos algumas vezes: a Teenage Head Music tem sido responsável, e por isso tem um enorme mérito, de trazer até à Europa nomes desconhecidos do espectro hard rock/blues/southern rock quer dos Estados Unidos quer da Austrália. Os Starroy são mais uma das suas descobertas e Ocho For Willow um fantástico disco que aconselhamos vivamente a todos os adeptos não só dos géneros referenciados como da boa música em geral. Em 11 temas, os Starroy criam um delicioso desfilar de canções emotivas, naturalmente com uma forte dose de hard rock e southern rock (e muito rock’n’roll como o prova o sensacional trabalho de honky tonk em Lil’ Ditty, a mais excitante faixa de todo o disco) mas muito bem condimentado por visitas a outros campos. Por exemplo, as duas peças instrumentais (New Day e Ocho) são brilhantes exemplos de rock progressivo onde a sensualidade jazzística também está presente. São, quanto a nós, e juntamente com a já referida Lil’ Ditty, os momentos mais sublimes de Ocho For Willow, verdadeiramente deliciosos e simplesmente espetaculares. Por outro lado, o frequente recurso a guitarras acústicas, cria no conjunto um sentimento de fragilidade e desprendimento que contrasta com todo o frenesim musical patente. Isso nota-se, por exemplo em Dream ou Willow. Por sua vez, Bella é um tema claramente country a lembrar velhas cidades do oeste e saloons empoeirados. No restante, os Starroy andam por ondas situadas nos anos 60 com referência a Led Zeppelin ou Lynyrd Skynyrd e assinando os seus temas com uma classe inegável e um assinalável brilhantismo.
 
Tracklist:
1.      Knumb
2.      Lil’ Ditty
3.      Dream
4.      New Day
5.      The Spot
6.      War Cry
7.      Golden
8.      Ocho
9.      Bella
10.  Without Warning
11.  Willow
 
Line-up:
Adam Barnard – guitarra acústica e vocais
Barry Fowler – guitarra solo
Justin Henry – baixo
Heath Finch – bateria
Com a colaboração de:
Grant Garland – piano e órgão
Derek Pritchett – percussão
 
Internet:
 
Edição: Chuck Husky Productions

Sem comentários: