quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Review: Devils Supper (Electric Sitting) (Tyla J. Pallas)

Devils Supper (Electric Sitting) (Tyla J. Pallas)
(2013, King Outlaw Records/Cargo Records)
(5.5/6)

Ainda nos lembramos da magia de ouvir o sleaze rock dos The Dogs D’Amour. Todo o feeling blues, toda a emotividade, os seus acústicos únicos. Na verdade perdemos-lhe o rasto nos últimos anos. Mas eis que agora nos surge o seu carismático vocalista com a sua inconfundível voz, Tyla J. Pallas, com este seu trabalho. Sinceramente era grande a expetativa em relação a Devils Supper (Electric Electric Sitting) e essa não foi defraudada. Logo a sensacional abertura Love Is nos diz que Tyla continua igual a si próprio. Grandes canções, belas melodias, espetaculares arranjos que incluem sopros, guitarras acústicas, harmónicas. Por vezes lembra aquele seminal álbum que foi Straight! da sua banda, na sua forma compassada de criar passagens brilhantes no cruzamento entre o acústico e o elétrico com todo o feeling blues e emoções à flor da pele. O nível em alta mantem-se em temas únicos como Green Eyed Girld, All Alone, Yeah (I Love You Baby), Home ou Religion, exemplos de um conjunto de 14 temas de rock’n’roll único incluídos num disco essencial!

Tracklist:
1. Love Is
2. Long Shadows
3. It Aint Over Yet
4. Green Eyed Girl
5. All Alone
6. Judas Christ
7. The Meaning Of Fortune And Fame
8. Yeah (I Love You Baby)
9. In Another Life
10. That Someone
11. Home
12. Religion
13. Ode To Jackie Leven
14. Wisdom
15. Judas Christ (Acoustic demo)

Internet:


Edição: King Outlaw Records/Cargo Records

Sem comentários: