RIP - Malcolm Young (AC/DC) - We Salute You!

Review: Silent Revelry (The Alex Tjoland Band)

Silent Revelry (The Alex Tjoland Band)
(2013, Independente)
(5.1/6)

Quando os The Alex Tjoland Band nasceram, o seu mentor, Alex Tjoland, tinha apenas 13 anos. Agora tem 20 e à sua volta juntou um conjunto de virtuosos nos seus instrumentos. Categorizado como sendo um coletivo de Americana, que segue as linhas de nomes como Rolling Stones ou REM, a The Alex Tjoland Band (TATB) assina Silent Revelry que não é mais que um álbum de Natal. Ou seja, trata-se da forma que a banda encontrou para festejar esta época. No fundo, como muitas bandas e artistas já fizeram. Mas neste caso com uma ligeira alteração: criaram eles próprios os seus temas de Natal. A exceção verifica-se na abertura com Silent Night e mesmo essa, apresenta variações pessoais significativas. Se quiseram comparações, diremos que se cruza com dois dos mais emblemáticos álbuns de Natal que conhecemos: Winter Carols (Blackmore’s Night) pela doçura dos vocais e Henkais Ikuisuudesta (de Tarja) pelas suaves melodias e texturas de piano. Este é, aliás, um álbum maioritariamente suave, com o piano e os vocais a assumirem os principais papéis. No entanto, aqui e ali, guitarras e hammond trazem-nos algo de feeling rockeiro bem agradável, por sinal. No entanto, a religiosidade (incluindo alguns gospel) e espiritualidade acabam, de forma natural, por se destacar. Assim sendo, Silent Revelry é um disco despretensioso destinado a ser ouvido em família. E é uma excelente prenda de Natal…

Tracklist:
1.      Silent Night
2.      Blind man
3.      Silent Revelry
4.      God In Us, Emmanuel
5.      An Angel Said To Mary
6.      Precious Things
7.      This Picture Of You
8.      Mercy
9.      Magazine
10.  Blind Man
11.  Surf’s Up, Santa Claus

Line-up:
Rachel Elkins – vocais
Delisa Kyser – piano e teclados
Alex Tjoland – bateria
Erik Tjoland – baixo
Bo Sammons – guitarras

Internet:

Comentários