Notícias da semana

O coletivo que ficou conhecido como a resposta Americana aos Black Sabbath, Bang, está de regresso! Descritos como cruzando o peso dos Black Sabbath e dos Led Zeppelin com o groove dos Grand Funk Railroad, os Bang editaram três álbuns aclamados pela crítica (ao qual deve ser adicionado o conceptual Death Of A Country de 1971 que nunca chegou a ver a luz do dia) no início dos anos 70 antes de desaparecerem. O trabalho homónimo de 1971 é um marco do doom metal e estabelece os Bang como um dos nomes de referência do proto-metal americano. Em 1996 deu-se a reunião da banda com o lançamento do álbum Return To Zero em 1998 ao qual se seguiu The Maze, em 2004, num estilo mais metal-oriented. Agora, finalmente para gáudio dos seus fãs a banda prepara-se para regressar ao palco em 2014. E fica ainda a informação que todos os temas dos Bang estão disponíveis para download aqui.


Um video teaser dos bastidores da preparação do trabalho de estreia, ainda sem título definido, dos Exorcism , incluindo o tema Zero G foi disponibilizado neste link.

 



Já está disponível para leitura online ou download o número 4 da revista digital Against. Destaque para a entrevista com os Serrabulho.



Da Austrália chegam os Darkyra Black, coletivo de symphonic metal que se estreia com Dragon Tears, com data de lançamento agendada para 20 de fevereiro. Dragon Tears é um disco conceptual baseado na interpretação gótica da história de Geisha que termina em tragédia. O single Tears By Candlelight é o primeiro avanço deste disco com forte componente cinematográfica e pode ser visualizado aqui.


Prestes a completar o seu 4º aniversário, os Inkilina Sazabra vão entrar em estúdio para gravar o seu 3º disco de originais. Formada em janeiro de 2010 por Pedro Sazabra e Carlos Sobral, e composta por Pedro nas vozes, Carlos na bateria e programações, Paulo Dimal no teclado e César Palma na guitarra, a banda tem desenvolvido um percurso coeso e interessante, tendo lançado o disco de estreia A Divina Maldade em 2011 e que captou o interesse da imprensa. Desde ai os Inkilina Sazabra não pararam, lançaram o EP de remisturas O Bêbado ainda em 2011 e o 2º longa duração Almas Envenenadas em setembro de 2012, cujas criticas foram muito positivas. A banda procura agora editora para lançar este 3º registo que promete fazer as delícias dos fans. Aqui fica os link do vídeo mais recente dos Inkilina Sazabra, segundo single retirado do disco Almas Envenenadas.

Comentários