News

Notícias da semana – 16 de junho de 2018


A The John Wetton Estate e Geoffrey Downes anunciaram a reedição da trilogia de álbuns do projeto iCon, num formato totalmente remasterizado, com material de bónus e num digipack de seis painéis. Estas reedições foram pessoalmente analisadas por Geoffrey Downes e fazem parte de uma política que irá permitir que os três álbuns estejam, de novo, disponíveis, individualmente, para os fãs. Os álbuns têm edição da Epicon Records/Cherry Red Records.


O virtuoso teclista italiano Gabriels assinou com a Rockshots Records para o lançamento da sua nova opera rock intitulada Fist Of The Seven Stars Act 2 – Hokuto Brothers. Esta é a segunda parte de uma opera rock baseada em Hokuto No Ken de Tetsuo Hara e é a continuação da história de Kenshiro, um dos mais conhecidos e apreciados desenhos animados de sempre. Frank Caruso, Dino Fiorenza e Beto Vazquez são alguns dos convidados já anunciados.


Act One é a estreia dos Alms e está agendada para 26 de outubro através do selo Shadow Kingdom Records. Oriundos de Baltimore, os Alms homenageiam a escola doom metal de Maryland, e depois do material contido na sua demo de apresentação, no inicio de 2017, as expetativas para este primeiro longa-duração são bastante altas.


O muito antecipado terceiro álbum dos Iron Void, intitulado Excalibur, já tem data de lançamento. A Shadow Kingdom Records anunciou que será a 26 de outubro, nos formatos CD, vinil e cassette. Excalibur é o álbum que promete colocar os doomster britânicos nos palcos mundiais.


A banda de hard rock/heavy metal Vandallus, de Cleveland (Ohio) assinou com a Pure Steel Records. Os Vandallus lançaram o seu álbum de estreia On The High Side em 2016 e já estão a trabalhar em Bad Disease para o seu lançamento em setembro. Já a Karthago Records anunciou o lançamento de uma edição limitada a 300 cópias em vinil do álbum The Return Of The Beast dos Caress. Acontecerá a 27 de julho.


Os psychedelic doom rockers alemães, Motorowl, estão de regresso com o sucessor da sua estreia. Atlas recupera a sua inspiração 70’s, e eleva o seu heavy metal e hard rock atmosférico a um novo nível, com riffs fabulosos, grandes melodias vocais e um Hammond mágico a liderar. A mistura e masterização estiveram a cargo de Dan Swanö.


Os Beyond Forgiveness são uma banda de symphonic metal oriunda de Colorado Springs que, com a sua reunião em 2014, está focada em encarnar o verdadeiro espírito do sinfónico, através da inclusão, nas suas composições, de orquestras clássicas, coros e vozes operáticas, tudo em conjunto com o seu heavy metal agressivo. Depois do EP The Ferryman’s Shore, de 2016, surgiu o álbum The Great Wall, um ano depois. Atualmente, e já com o novo baixista Jim Lasselle, os Beyond Forgiveness estão a compor o seu segundo longa-duração que terá lançamento em 2019 pela Sliptrick Records.


A mais influente senhora do metal, a verdadeira rainha, está de regresso! Doro Pesch tem novo álbum a 17 de agosto através da Massacre Records. Intitulado Forever Warriors, Forever United, a diva apresenta 25 novos temas divididos por dois CD’s que apresenta como contendo grandes hinos, canções heavy e e melodias de embalar.



Liderados pelo compositor Paolo Fosso e pelo violinista Jacopo Bigi, os Armonite, acabam de lançar o seu segundo disco de originais, And The Stars Above, pela Cleopatra Records. À semelhança do álbum de estreia, And The Stars Above é uma mistura instrumental de violino, teclas, baixo e bateria, com o foco no violino. Com o duo anteriormente referido, tocam os baixistas Colin Edwin e Alberto Fiorani e os bateristas Corrado Bertonazzi, Emiliano Cava e Jasper Barendregt. 



Notícias da semana – 09 de junho de 2018

Um único e solene feitiço parece envolver os Moonspell cada vez que entram em palco. A demonstração está em Lisboa Under The Spell, próximo álbum ao vivo da banda de Fernando Ribeiro, captado a 4 de fevereiro no Campo Pequeno. O álbum triplo, DVD e Blue Ray, tem edição pela Napalm Records a 17 de agosto.


Sage é o nome da nova contratação da Rockshot Records. A banda croata de heavy/power metal assinou com a editora italiana para o lançamento da sua estreia intitulada Anno Domini 1573. O vídeo de avanço, Treason, já está disponível.


O quinteto alemão de hard rock melódico Radiant, construído em torno do vocalista Herbie Langhans (Avantasia, Voodoo Circle, ex-Sinbreed, ex-Seventh Avenue) e dos seus antigos membros dos Seventh Avenue, Flo Gottsleben e Markus Beck, juntaram-se à família Massacre Records que será a responsável pelo lançamento do álbum de estreia previsto para o outono.


Foi em outubro do ano passado que os Wonderworld começaram a gravar aquele que seria o seu terceiro registo de originais. Simplesmente intitulado III (na sequência dos seus dois álbuns anteriores, I e II), misturam influências de Led Zeppelin, Deep Purple, AC/DC e Rush. Mais uma vez, Roberto Tiranti e Ken Ingwersen estiveram envolvidos na criação destes temas que serão lançados pela Sliptrick Records a 19 de junho.


Poucos dias depois de revelar alguns excertos áudio e vídeo representativos do seu trabalho, os Mystic Sons, trio suíço de fuzz-stoner-blues-rock lançou, de forma independente, a sua estreia discográfica em CD, LP e digitalmente. Este álbum está disponível para audição streaming no seu Bandcamp.


Os mestres do metal a-capella Van Canto preparam o lançamento do seu sétimo álbum de estúdio. Trust In Rust será o título genérico do novo trabalho de uma banda única no mundo que, desde 2006 traz o poder vocal ao mundo do metal. Trust In Rust reflecte as mais variadas experiências na estrada com poder e paixão pela voz humana no heavy metal.


Já foi anunciado o nomo do próximo álbum das lendas do heavy metal teutónico Grave Digger. Será The Living Dead e terá edição pela Napalm Records a 14 de setembro. Posteriormente, a 11 de janeiro, a começar em Hannover na Alemanha terá início a Tour Of The Living Dead que terminará, cerca de um mês depois em Tel Aviv, em Israel.


A Cleopatra Records irá lançar o novo álbum de uma das mais bem-sucedidas bandas de melodic rock da atualidade, os Gin Blossoms. A banda que recentemente celebrou o 25.º aniversário do lançamento do seu seminal e multiplatinado álbum New Miserable Experience, assina Mixed Reality que sai a 15 de junho.


Half. Awake é o primeiro single e vídeo retirado do novo EP Half. dos Starsick System. Este tema representa o nascimento de uma nova era para o coletivo e surge a partir do apoio dos fãs através de uma campanha no MusicRaiser. A banda evoluiu de uma sonoridade hard rock para um metal comtemporâneo que deverá agradar a fãs de Nothing More, Escape The Fate ou Papa Roach.



O novo álbum dos Urban Tales só sai a 8 de novembro via MR Diffusion, mas a banda de Marcos César tem vindo a disponibilizar alguns temas com participações especiais de alguns músicos nacionais. Desta vez, o tema que foi apresentado é My Star com a participação de Rui Junior e do ensemble de percussão Tocá Rufar.




Notícias da semana – 02 de junho de 2018


Formados em 2009, os Lady Reaper são uma banda italiana de heavy metal. Em 2017 assinaram com a Valery Records e o primeiro resultado dessa união é Mise En Abyme, um disco de metal fresco e eclético, onde se incluem duas covers de peças clássicas. Mise En Abyme foi lançado a 27 de abril com distribuição pela Audioglobe.


Outlaws ‘Til The End: Vol. 1 é o título do novo álbum dos Devildriver. O álbum que traz um conjunto de temas country-metal fora-da-lei e tem edição pela Napalm Records a 6 de julho. Como convidados referem-se Randy Blythe (Lamb Of God, Wednesday 13) e Burton C. Bell (Fear Factory).


John Ferrara, baixista dos Consider The Source, dá vida às suas poderosas composições, com a ajuda do virtuoso percussionista Seth Moutal, no álbum de Frail Things in Sharp Places, com lançamento previsto para 13 de junho. O duo traz uma abordagem visionária de como cruzar prog rock, jazz, minimalismo e world music.


Wish You Were Dead é o nome do primeiro lançamento oficial dos Lost Division, banda finlandesa de rock com uma abordagem bem metalizada. Trata-se de um single com dois temas, o tema título e In Memoriam, publicado a 29 de maio, apenas em formato digital, pela Inverse Records.


Demon Rider é o nome do mais recente disco dos melodic metallers Artizan. Após três anos de trabalho, este é apresentado como o mais consistente disco da carreira da banda, contando com a produção de Jim Morris (Iced Earth, Crimson Glory, Jag Panzer) e com a participação de Joey Vera (Fates Warning) no baixo. Demon Rider traz o selo de qualidade da Pure Steel Records.


Os Wolfen têm um novo single retirado de Rise Of The Lycans. Rebirth Of The Regulatores é o segundo single daquele que é já o sexto álbum e que tem lançamento agendado para 22 de junho pela Pure Steel Records. O single pode ser ouvido no soundcloud dos power/thrashers germânicos.



Nasceram em 1968 e no ano em que comemoram o seu 50.º aniversário continuam com um espírito inovador. Falamos dos Guru Guru, coletivo germânico de experimental rock, avant-garde, jazz, world music e uma forma muito única e original de fazer rock ‘n’ roll. Após o falecimento de Hans Reffert (21 de fevereiro de 2016, com 69 anos), os Guru Guru recrutaram o guitarrista Jan Lindqvist para aquele que é o seu novo álbum intitulado Rotate!, depois de mais de 40 lançamentos, entre LP’s, CD’s e DVD’s. 



Notícias da semana – 26 de maio de 2018


Inspirados pelo movimento NWOBHM, os Blade Killer terminaram as gravações do seu trabalho de estreia High Risk. O álbum encontra-se, neste momento, em fase de misturas a cargo do vocalista e guitarrista dos Enforcer, Olaf Wikstrand. Este material será testado ao vivo, proximamente, em dois festivais – o Muskelrock (Suécia) e o Los Angeles Strikefest, na sua cidade natal.


Os italianos Altair, banda de prog power metal assinou pela Alpha Omega. Este coletivo tinha lançado, em 2013,o álbum de estreia Lost Eden e em 2017, via Sleaszy Rider Records o conceptual Descending: A Devilish Comedy.



Os Lusitanian Ghosts editam a 8 de junho o seu disco homónimo. Os Lusitanian Ghosts são um coletivo de músicos que reúne artistas nacionais e internacionais em torno de guitarras tradicionais portuguesas com um toque de modernidade. Neste projeto há instrumentos cordofones quase esquecidos pelo mundo. Com nomes tão apaixonantes quanto as suas variadas afinações, o projeto conta com a participação de Micke Ghost na Amarantina, Vasco Ribeiro Casais, aka OMIRI, na Braguesa, o Gajo na Campaniça, Abel Beja na Terceirense e finalmente Neil Leyton na Beiroa. Todos acompanhados por João Sousa na bateria.


Os Artizan renovaram o seu contrato com a Pure Steel Records e anunciaram o lançamento do seu novo álbum para este ano. Já os Necrytis anunciaram o lançamento do primeiro single retirado do álbum Dread En Ruin que sai a 29 de junho. Chama-se Strashine e foi lançado no Soundcloud.


A cerca de três semanas do lançamento oficial do disco de estreia, War Cry, os rockers alternativos Hooka Hey apresentam, como forma de avanço, o single/vídeo para o tema Coney Island. War Cry será lançado a 1 de Junho, exclusivamente em formato digital.



Querem um disco variado e com um som único capaz de expressar os diferentes backgrounds musicais de todos os elementos? Então procurem o novo álbum das Charlotte In Cage, que bem pode ser definido como uma expressão artística sem limites. Times Of Anger, assim se chama, sai a 5 de junho pelo selo italiano Sliptrick Records.


Mephistopheles é a primeira amostra que os Mystic Sons fazem do seu álbum de estreia. A banda que é influenciada por nomes como Kyuss, Black Sabbath, Sleep ou Hey Satan, lança este longa-duração a 1 de Junho. Os Mystic Sons são uma banda de stoner/blues rock originária da Suíça e este seu primeiro disco traz sete temas carregados de riffs doom e psicadélicos.


Os Assassin são uma das lendas do thrash metal germânico e europeu, muito por ação do seu cruzamento entre thrash e hardcore sempre com uma pitada de bom humor. Nasceram em 1985 e contam no seu fundo de catálogo com diversas demos, álbuns e um DVD. Dois anos depois do lançamento de Combate Cathedral, o coletivo acaba de assinar pela Massacre Records para o lançamento do seu próximo álbum previsto para a primavera de 2019.

Mais um lançamento para os fãs de Greg Lake e dos ELP. Annie Barbazza & Max Repetti lançaram a 18 de maio MOONCHILD - A deep journey into the music and poetry of Greg Lake, numa edição limitada, via Manticore Records.



Os The Walk-A-About lançam, em junho, o seu novo trabalho intitulado Thinks Are Looking Up, um disco produzido por Andrew Michael Bertrand e masterizado por Roger Lian. Things Are Looking Up é mais um exemplo de driven rock ‘n’ roll acústico produzido pela banda australo-americana.



O primeiro single do quinto álbum dos Sir Reg já está disponível. Chama-se FOOL (Fight Of Our Lives) e fará parte de The Underdogs a lançar no outono pela Despotz Records. A banda sueca é liderada pelo irlandês Brendan Sheehy e é um dos expoentes máximos do atual celtic punk rock.




Notícias da semana – 19 de maio de 2018


O projeto allstar austríaco, Schubert In Rock, assinou com a Pure Steel Records para o lançamento do álbum Commander Of Pain. Este projeto conta com a colaboração de Marc Storace (Krokus), Don Airey (Deep Purple), Jeff Scott Soto (Sons Of Apollo, W.E.T, Axel Rudi Pell, Talisman, Yngwie J. Malmsteen), Jennifer Batten (Michael Jackson, Jeff Beck), Doogie White (Rainbow, Michael Schenker, Yngwie J. Malmsteen, Cornerstone), Dan McCafferty (Nazareth), Michael Vescera (Obsession, Animetal USA, Loudness), entre outros, que, assim, se juntam ao núcleo duro da banda composto por Klaus Schubert (guitarras), Walt Stuefer (vocais), Bernie Welz (bateria), Andy Marberger (baixo) e Andy J. Brunner (teclados).


Da Eslováquia chegam os Eufory, banda de power metal, que apresentam a sua nova produção, Higher And Higher, uma obra que marca um passo em frente em todos os aspetos. O disco foi gravado nos PureSound Studio na Eslováquia e nos GM Recording Studio na República Checa. A mistura e masterização estiveram a cargo de Roland Grapow, cujas ideias contribuíram para o engrandecimento do som final do disco.


No bandcamp da Shadow Kingdom já está disponível para audição o primeiro tema do longa-duração de estreia dos Haunt. Burst Into Flame é, também, o título do álbum que tem lançamento internacional a 10 de agosto, nos formatos CD, vinil e cassette. Os Haunt são um colectivo americano liderados por Trevor William Church, filho de Bill Church, antigo baixista dos Montrose e Sammy Hagar.


2nd Impression é o título do novo disco dos Fog Light, com lançamento digital a 15 de junho via Inverse Records. Fusion rock com influências metálicas é o que propõem os finlandeses que já avançaram o primeiro single Mystinen Viiksimies. Os Fog Light são compostos por membros dos Omnium Gatherum, Total Devastation, Demonic Death Judge, Kreyskull e Kaihoro.


Dias antes do lançamento do seu álbum de estreia, os suiços Spit Reckless apresentaram no bandcamp o primeiro tema Easy Come, Easy Go. O álbum Heat Maker foi produzido por Serge Morattel nos Rec Studio e sai a 2 de junho nos formatos CD e digital.


Special Diners é uma canção com menos de dois minutos, primeiro single do novo disco dos Cave Story, a editar na segunda metade do ano pela Lovers & Lollypops. O novo disco chama-se Punk Academics. Uma materialização da Punk Rock Academy de que nos falou Atom & His Package no disco A Society of People Named Elihu. Desta feita com curadoria dos Cave Story


Matteo Piacenti, fundador/principal compositor/vocalista criou os Steelawake em janeiro de 2017 com o objectivo de explorar novas ideias na sua forma apaixonada de criar. Os Steelawake acabam de assinar com a Sliptrick Records para o lançamento do primeiro single, Dragging You Inside, a 1 de junho.


Os Skeletoon estão prestes a entrar em estúdio para começar a gravar o seu novo álbum. They Never Say Die, assim se chamará, será gravado nos Domination Studio com Simone Mularoni e será o tributo do power metal aos The Goonies. Nele participarão alguns nomes bem conhecidos da cena como Alessandro Conti (LT’s Rhapsody/Trick or Treat), Michele Luppi (Whitesnake/Secret Sphere) entre outros.


Desde 2010 que The Man From RavCon, aka Mike Brown, tem criado música instrumental e atmosférica com base num mellotron enriquecido por arrojados arranjos de piano e órgão, tudo envolvido por sintetizadores, percussões dinâmicas e guitarras melódicas. Another World é o mais recente disco do projecto e vem cheio de influências do rock FM dos anos 70 com algum prog. A data de lançamento é 22 de junho.



Chegados à Pitch Black, os Sinsid lançam a sua estreia – Mission From Hell. A banda norueguesa formou-se em 2012 por Terje S. Sidhu e é influenciada por diversos estilos musicais que vão desde o blues ao rock e ao metal e até ao viking e ao thrash. Mission From Hell tem data de lançamento a 8 de junho e podem esperar 10 temas em 50 minutos de metal de grande qualidade.




Notícias da semana – 12 de maio de 2018


Após o lançamento do álbum Luta pela Manutenção a 19 de março, os 47 de Fevereiro apresentam amanhã o videoclip do segundo single, La Favorita, realizado por Augusto Lado (1/2 Pirata Mau). Provenientes de projectos tão díspares como Touro, Retimbrar, Zen, Anger, Souq, Fadomorse, Mi Ku Bô,Teia, Funkyard, Turn Off, Stopestra, Xícara, Mina, etc, os membros dos 47 de Fevereiro juntaram-se para dar seguimento à vontade comum de exprimir a música que lhes corre nas veias, sem filtros ou condicionalismos, e assim detonarem palavras sob a forma de Fute-Rock Mediterrânico. Fute, pois há uma associação temática ao mundo do futebol amador, numa alusão a uma luta pela manutenção dentro de campeonatos regionais ou de segunda divisão; Mediterrânico, devido ao uso fequente de várias línguas ao longo dos seus temas (português, espanhol, francês e italiano).


A vocalista dos Izz, Laura Meade, estreia-se a solo com Remedium, um álbum disponível em todas as plataformas digitais a partir de 18 de maio. Remedium combina a paixão de Meade pelo art rock com a emoção do teatro musical, para além de uma assinalável sensibilidade pop como é percetível em temas como Sunflowers At Chernobyl e Dragons.


Dread En Ruin, sucessor de Countersighns, é o nome do novo álbum dos norte-americanos Necrytis, sai a 29 de junho pela Pure Steel Records e traz-nos seis temas com uma base de heavy metal tradicional com um pouco de US power metal dos anos 80. Já os power/thrashers alemães Wolfen têm pronto o single Genetic Sleepers, retirado do álbum Rise Of The Lycans, assim como os Weapon UK que também têm novo single em formato digital: The Rocker que corresponde ao tema bónus do álbum Rising From The Ashes.


A banda italiana de folk metal Kormak assinou com a Rockshots Records para o lançamento do seu trabalho de estreia, Faerenus. A editora italiana anunciou o mês de junho como data para colocar no mercado um disco que lida com o conceito da loucura e as suas causas.



Três álbuns, dois EP ́s, um DVD e uma coletânea. Uma medalha de mérito cultural do Município do Seixal. Uma carreira feita de persistência, resiliência e amor à música sem concessões ao que pede o mercado, mas mantendo uma fiel legiões de seguidores e apreciadores da música escrita e cantada em português. Falamos dos Dixit que, no ano que fazem 25 anos, voltam aos palcos para celebrar a música, numa série de concertos que vão reunir ex-membros e artistas amigos para tocar ao vivo as canções mais emblemáticas do grupo, num espetáculo cheio de emoções e intensidade.


Quando se trata da cena celta e pagã, MaterDea é um dos nomes mais importantes em Itália. O seu último registo, The Goddess’ Chants já tem dois anos, mas a banda prepara-se para brindar os seus fãs com outra obra-prima – Pyaneta! Seguindo a direção iniciada em A Rose For Egeria, este novo disco é um claro passo em frente neste género. Pyaneta sai a 6 de julho pela Rockshots Records.


Como anunciado anteriormente, os Lumberjacks têm disponível o seu primeiro longa-duração intitulado Alone?. Este trabalho dos heavy rockers franceses está disponível nos formatos CD e digital e está apontado a fãs de Black Sabbath, Alter Bridge, Black Stone Cherry, Royal Blood ou The Answer 


A Ghostlights World Tour 2016/2017 foi um gigantesto sucesso para Tobias Sammet e os seus Avantasia e culminará de forma brilhante no Wacken Open Air, numa atuação que terá direito a transmissão televisiva. O regresso à estrada para o projeto acontecerá, de novo, em 2019, após o lançamento de Moonglow, o próximo álbum de Avantasia que será lançado em janeiro.


Um ano depois do lançamento digital do single de estreia, Two, os Watchers estreiam a sua nova música How Long Is Your Night. Este tema faz parte do próximo EP dos blues rockers franceses previsto para o outono.




As últimas notícias vindas dos The Silent Rage anunciam a mudança de membros. Steve Venardo e Kostas Krikos abandonaram para se focarem na sua banda Voidnaut. O novo membro, para a guitarra solo é Nick Sarbanis (ex-Damned Creed) que já vai poder trabalhar nas composições do próximo álbum.





Notícias da semana – 05 de maio de 2018


Darryl Way apresenta o seu mais arrojado projeto a solo até à data. O lendário violinista dos Curved Air recria as Quatro Estações de Vivaldi, na sua totalidade e numa abordagem rock, o que acontece pela primeira vez desde que essa peça clássica foi criada. Naturalmente intitulado Vivaldi’s Four Seasons In Rock, o disco foi lançado ontem com o selo da Cherry Red Records.


Ora aí está, finalmente, o longa-duração de estreia dos Seven Eyed Crown! Intitulado Organized Chaos, o álbum vê a luz do dia após algumas semanas de preparação em diversos estúdios. A edição está a cargo das seguintes editoras: Send The Wood Music, Lunatik Music, Season Of Mist e The Orchard.


Na sequência do lançamento do single de estreia dos Lusitanian Ghosts, Trailer Park Memories, e do making of que acompanha as sessões de gravação do novo disco a ser editado a 8 de junho, o coletivo de artistas apresenta agora um documentário que os acompanha numa viagem por Portugal em busca da história dos instrumentos que dão vida a este projeto. Este documentário é apresentado em vários episódios ao longo de várias semanas em exclusivo no iTunes e Apple Music. Cada um dos episódios será revelado, semanalmente, todos os domingos, na página dos Lusitanian Ghosts na Apple Music/Itunes culminando no lançamento do disco em formato digital a 8 de junho.

Depois do lançamento de Ecos da Selva Urbana, em 2017, pela Rastilho Records, os thrashers nacionais Rasgo gravaram uma incrível versão do tema Homens ao Mar com a orquestra Circulo de Musica de Câmara, conduzida pelo maestro Pedro Teixeira da Silva. O resultado é simplesmente brilhante, como poderão confirmar no vídeo apresentado na respetiva secção.



A banda nacional Barros, projeto a solo do guitarrista dos Tarântula Paulo Barros, assinou pela Rockshots Records para o lançamento do álbum More Humanity Please. Este trabalho do lendário guitarrista luso foi misturado e masterizado por Harry Hess (Harem Scarem) no Canadá. Paulo Barros conta, neste disco, com a participação do fantástico vocalista Ray Van D, que também é responsável pelas letras.




Notícias da semana – 28 de abril de 2018
Os 11th Dimension, banda de metal alternativo de Lisboa, anunciou o lançamento do álbum de estreia intitulado Paramnesia. Apesar dos gostos musicais dos seus membros andarem em torno do metal, a variedade de influências musicais é uma das mais interessantes caraterísticas da banda. Em cada música é possível ouvir um pouco de tudo, de death e epic metal a rock e eletrónica. No entanto, a influência predominantemente é a nova vaga de bandas de metal progressivo e post-metal. Quanto a Paramnesia, é um álbum conceptual que descreve uma viagem metafórica, ao longo das suas 11 faixas originais, desde a renúncia a uma realidade atual de insatisfatória até à chegada a um novo lugar/estado de espírito.


O novo e muito aguardado EP dos Vaudeville Etiquette chama-se Divisions e sai a 6 de julho. Magnético, provocador e dinâmico, com fortes raízes na química do rock clássico, Divisions é um disco para os fãs de Stevie Nicks, Ryan Adams, The Allman Brothers e The Rolling Stones.


O triunfante disco The Similitude Of A Dream é o mais aclamado disco da The Neal Morse Band até à data. A tour de 2017, Road Called Home, foi a sua mais extensa e em setembro de 2017, no 013 em Tilburg (Holanda) as estrelas alinharam-se para um concerto memorável que será lançado em duplo CD e DVD pela Radiant/SONY/Metal Blade no dia 15 de junho. Fica, assim, registado para a posteridade uma noite épica numa tour, também ela, épica com enormes desempenhos desse memorável line up com Neal Morse, Mike Portnoy, Eric Gillette, Bill Hubauer e Randy George, em mais de duas horas de magia musical.


Ramin Partovi, guitarrista dos Aviator e Hollywood lança o duplo álbum 27 Faces Of A Broken Heart, com um novo conceito e uma line-up galático: Scott Henderson, Simon Phillips, Carl Verheyen, Jimmy Johnson, Mike Stern, entre outros. 27 Faces Of A Broken Heart reflete diversas emoções, como desilusão e dor, num disco pessoal.


A Massacre Records anunciou que os Sinbreed assinaram com a editora. A banda germânica de power/speed metal construída em torno do vocalista Nick Hollemann, e que ainda inclui o baterista Frederik Ehmke, já lançou três álbuns e está, atualmente, a trabalhar no quarto.


Depois de Back Again (2017), os The Slyde regressam com um novo trabalho: Awakening. O colectivo (que anteriormente era conhecido apenas por Slyde) assina dez faixas de prog rock intrincado, destinado a fãs de Rush, Dream Theater, Haken ou Coheed And Cambria, que têm lançamento agendado para 18 de maio.


Depois do sucesso de Hell To Pay, dos Spartan Warrior, a Pure Steel Records decidiu lançar uma edição especial deste álbum em vinil. Esta prenda para os fãs tem lançamento agendado para 22 de junho e estarão disponíveis apenas 300 cópias. Da mesma editora sairá o primeiro single dos Nighthunter intitulado Scream. Lançado apenas em formato digital, Scream fará parte do homónimo álbum de estreia da banda. Quanto aos Stormwind, a banda alemã actualizou a data de lançamento do seu novo álbum Burning Wheels. Será a 22 de junho via Karthago Records. Este disco será lançado numa edição especial, limitada a 500 cópias numeradas à mão e com a inclusão de cinco faixas bónus, um certificado e um holograma.


O histórico vocalista Titta Tani (ex-DGM, ex-Astra e atualmente nos Architects Of Chaos com Claudio Simonetti dos Goblin) regressa com uma nova banda chamada EHFAR (Everything Happens For A Reason). O disco de estreia homónimo tem lançamento agendado para 21 de setembro via Revalve Records e trará 9 temas com a participação especial de Oliver Hartmann.


Os Ironthorn são um abanda italiana de heavy metal/hard rock que acaba de assinar pela Sliptrick Records. O primeiro álbum, After The End (que inclui um livro de banda desenhada) saiu em 2017, mas a banda já voltou a estúdio para trabalhar no seu novo registo. Esperem uma mistura de hard rock/metal dos anos 80/90 bem como algumas influências do thrash.



Os Panzercrow são o projeto a solo de Jack13, vocalista da banda Scarecrow, originária da Finlândia e que pratica horror punk com influências de metal e hardcore. Depois de vários discos e dezenas de tournées, Jack13 aventurou-se a solo com os Panzercrow e o seu álbum chama-se Nightmare Returns. O álbum saiu este mês via 82 Records.




Notícias da semana – 21 de abril de 2018


Terrestrial Mutations, a estreia dos Droid, será lançada em formato vinil a 10 de agosto pela Shadow Kingdom Records. Originalmente posto no mercado em 2017, em CD pela Nightbreaker Records e depois em cassette pela Temple Of Mystery Records, Terrestrial Mutation impressionou de tal forma a Shadow Kingdom, que a editora teve que o lançar em vinil.


Os Robespierre, banda que recupera o melhor que o NWOBHM tem, disponibilizaram para audição o seu álbum de estreia, Garden Of Hell, no site Deaf Forever. Garden Of Hell foi lançado ontem pela Shadow Kingdom Records. Os Robespierre são uma banda de culto, tendo estado ativos nos anos dourados do género com duas demos lançadas em 1983.


Riverine é o nome do novo álbum da banda de post-rock Imploding Stars. Após o lançamento de A Mountain and a Tree (2014), a banda sonora Mizar & Alcor (2016) para a versão portuguesa do documentário From Earth to Universe e a participação com Treeless prairie na coletânea T(h)ree - Vol. 5 - Portugal - Cazaquistão - Uzbequistão (2017), Riverine será lançado na primavera de 2018. O segundo álbum de estúdio da banda será apresentado ao vivo no dia 19 de maio no gnration em Braga, 25 de maio no Plano B no Porto e 30 de junho no Sabotage em Lisboa. 


Sem Filtros será o primeiro álbum dos Quid, um projeto de originais, em português, esboçado há cerca de 10 anos e que, agora, avança na cena musical Pop/Rock/Alternativo. Anabela Tomás dá voz às letras intimistas e às melodias que ecoam dos acordes das violas de Luís Santos. Na sua equipa, os Quid contam ainda com Margarida Moser (violoncelo), Rui Hopffer (bateria/percussão) e Humberto Silva (baixo). O álbum sai hoje, 21 de abril.


Os Nighthunter assinaram com a Pure Steel Records. Os americanos estão, de momento, em estúdio a gravar a sua estreia que terá como título simplesmente Nighthunter. Quanto aos power/thrashers Woven, anunciaram que o seu álbum Rise Of The Lycans, terá lançamento a 22 de junho pela mesma editora. Finalmente, os nacionais Fantasy Opus preparam o lançamento de The Last Dream. 8 de junho, via Pure Steel Publishing, é a data anunciada. Esperem um gigante passo em termos de produção, estilo, imagem, letras e peso.


Simultaneamente inspirados pela energia crua e indisciplinada do panorama underground britânico e pelas baladas românticas típicas dos anos 50 e 60, os Huggs nascem do contraste entre as melodias contagiantes do Duarte Queiroz na guitarra e voz e a irreverência punk e bateria pesada do Jantónio, quando os dois se conhecem por acaso num projecto de faculdade. Ao vivo apresentam-se como power trio, contando para isso com a ajuda do Guilherme Correia (Ditch Days). Take My Hand é o single de apresentação da banda e foi retirado de um primeiro EP com edição marcada para o último trimestre de 2018, gravado pelo Gonçalo Formiga (dos Cave Story) no seu estúdio nas Caldas da Rainha e produzido pelo próprio em conjunto com a banda.


Canções pop/punk rock catchy e muita presença e energia são as principais caraterísticas dos Revolvd. O coletivo finlandês acaba de lançar a sua estreia Past & Present, via Concord Records. No início deste ano, o coletivo já havia disponibilizado o single Regret que conta com a participação dos rappers finlandeses Mansesteri.



Shuggie Otis é conhecido pela sua forma soulful de escrever canções e pelos seus hits Strawberry Letter 23 e Inspiration Information, sendo considerado um dos mais criativos guitarristas da actualidade. Agora, Otis tem um novo projeto de fusion rock, chamado Inter-Fusion, composto maioritariamente por temas instrumentais assentes numa secção rítmica formada por Carmine Appice e Tony Franklin. Inter-Fusion está disponível desde ontem via Cleopatra Records.




Notícias da semana – 14 de abril de 2018


Da Suécia chega uma nova sensação do heavy metal. São os Saate, formados por Stefan Rådlund (guitarras) e Robert Ahlenius (baixo), dos power/prog metallers Binary Creed. Logo após o lançamento do último disco destes, A Battle Won, lançado pela Rockshots Records em 2016, Stefan começou a compor nova música com o talentoso vocalista Rickard Thelin, dos Summoned Tied. O primeiro disco dos Saate sai, também pela editora italiana, a 27 de abril, com o teaser do single The Conjuring já disponível.


A banda de metal obscuro e progressivo Dark Millennium está de regresso a uma casa que conhece bem. O novo álbum do coletivo, Where Oceans Collide, terá lançamento pela Massacre Records. O projeto nasceu em 1989, cessou funções em 1994 e regressou em 2016. Durante a sua carreira, lançou três álbuns, os dois primeiros pela editora germânica e o último, há dois anos atrás, de forma independente.


Muito aguardado é o novo álbum dos Haunt. Chama-se Burst Into Flame e tem lançamento pela Shadow Kingdom Records no próximo verão, nos formatos CD, vinil e cassette. Os Haunt são o projeto de Trevor William Church, filho de Bill Church (Montrose/Samy Hagar). Ainda antes do lançamento do disco, cuja capa foi revelada esta semana, o projeto fará uma tour pela América do Norte com os Hell Fire.


Os hard rockers canadianos Thunderbird lançam o seu aguardado terceiro álbum a 25 de abril. Simplesmente intitulado Thunderbird, tem lançamento pela Delinquent Records, foi produzido por Marc LaFrance e Kelly Stodola e misturado pelo famoso engenheiro Mike Fraser. De acordo com o vocalista Marc LaFrance, Thunderbird é como uma coleção de pequenas histórias onde ele próprio desempenha diversos papeis/personagens.


A celebrar o 40º aniversário do álbum homónimo de estreia dos UK, Eddie Jobson tornou possível que este seminal álbum estivesse disponível em formato vinil, pela primeira vez, desde a sua edição original. O lançamento foi anunciado para o dia 21 de abril, sendo que todo o disco foi remasterizado a partir das gravações originais que estão nos Abbey Road Studios em Londres. UK foi considerado, em 2016, pela Rolling Stone, um dos 30 melhores discos de prog rock de todos os tempos.


O novo coletivo de art-rock que tem dado que falar pelos nomes envolvidos são os The Sea Within. São formados por Roine Stolt(Transatlantic, The Flower Kings), Daniel Gildenlöw (Pain of Salvation), Jonas Reingold (Steve Hackett, The Flower Kings, Karmakanic, The Tangent), Tom Brislin (Yes Symphonic, Renaissance, Spiraling, Deborah Harry) e Marco Minnemann (The Aristocrats, Steven Wilson, UK, Joe Satriani). O álbum homónimo de estreia está anunciado para 22 de junho. O álbum estará disponível numa edição digipack com 2CD, duplo vinil e em formato digital e conterá 12 temas.



Na sequência do lançamento do single de estreia dos Lusitanian Ghosts, Trailer Park Memories, surge agora o making of que acompanha as sessões de gravação deste coletivo de artistas de diferentes sonoridades mas com uma Portugalidade inerente em comum. Estas são imagens exclusivas e inéditas do processo de criação do primeiro disco de originais dos Lusitanian Ghosts, na sua versão digital no final de maio. Depois do lançamento destemaking of, será também divulgado um filme-documentário, realizado por André Miranda, que começou precisamente por realizar o making of e acompanhou os Lusitanian Ghosts num percurso que os levou à descoberta da origem dos instrumentos tradicionais que os acompanham neste trabalho.


O projeto português/neozlandês/japonês Voodoo Diamond tem novo álbum nas ruas a 22 de junho via Musicarchy Media. Darkness Becomes It foi produzido por Scott Atkins (Cradle Of Filth, Amon Amarth) nos Grindstone Studios e misturado/masterizado por Fredrik Nordstrom. O primeiro vídeo/single, Deny, estará disponível a partir de 24 deste mês.


A Minotauro Records apresenta uma nova edição do álbum Atlantean Symphony dos Dreamfire. Completamente remasterizado, com um novo e fantástico novo artwork e booklet e, ainda, com a adição de dois temas bónus, Atlantean Symphony versão 2018 mantem a grandiosidade do trabalho original. Os Dreamfire surgiram em 1999 como um projecto sinfónico para explorar mistérios antigos através de composições épicas.



Originalmente lançado em 2012, o álbum The Power Within, dos Dragonforce está de regresso como Re-Powered Within, completamente remasterizado, remisturado e com novo poder. Preparado por Damien Rainaud (Fear Factory, Babymetal) nos estúdios Mix Unlimited, em Los Angeles, CA,, este clássico dos Dragonforce soa maior, melhor e com mais intensidade. A edição está a cargo da earMusic.




Notícias da semana – 07 de abril de 2018


Soul Redemption é o trabalho de estreia do projeto que junta o vocalista e compositor Flav Martin e o baterista Jerry Marotta. Uma junção num trabalho que se reveste de harmoniosas melodias de modern adult rock cruzado com a world pop tradicional. Quem deverá delirar são os fãs de Peter Gabriel, porque junto com Marotta na secção rítmica, está Tony Levin, um duo que esteve junto no line up clássico de Gabriel.


Born From Hope é o single de avanço do álbum Until Dawn dos Elvellon. Until Dawn tem data de lançamento agendada para o dia 1 de junho via Reaper Entertainment. Os Elvellon são um abanda de symphonic metal oriunda da Alemanha e Until Dawn é a sua antecipadamente esperada estreia.


A todos que se atrevem a sonhar. Aos que resistem às críticas não construtivas. Acima de tudo, aos que resistem à indiferença dos outros e continuam a sonhar. Já ganharam, já são os vencedores. Start Something New é o novo single dos Inmyths. Uma canção que foi escrita a pensar em Jacque Fresco. Fresco era um sonhador. Conseguiu sonhar num mundo melhor para todos. Sonhava o momento em que o planeta Terra e todos os seus recursos fossem declarados como a herança de todos os que a habitam.


O álbum homónimo dos Shadowkeep sai, pela Pure Steel Records, a 11 de maio. Este é um álbum que os fãs da banda esperam há 10 anos! Agora o coletivo regressa com um novo vocalista – nada mais nada menos que o ex-Helstar James Rivera. Também a 11 de maio sai o álbum Taken By Storm dos germânicos Stormwind, pela Karthago Records.


Primeiro foi a season of the witch, mas agora os Stormwitch declaram que estão bound to the witch. É, precisamente, esse o título do novo álbum dos germânicos que sai pela Massacre Records a 29 de junho. Bound To The Witch será lançado em CD (normal e digipack, neste caso com algumas faixas bónus), digital e uma versão limitada em vinil.


Coral Tattoo são uma nova banda de Rock Português que acabou de lançar, em todas as plataformas digitais, o seu primeiro single. Longe de Mim Parar é o primeiro avanço do EP, já gravado, e abre o caminho para o lançamento sucessivo dos restantes temas desta união de músicos experientes. Longe de Mim Parar é um tema especialmente acarinhado pelos Coral Tattoo porque “passa uma mensagem muito positiva”, explica o vocalista e autor da letra João Pedreira. Sérgio Martins, baixista e cofundador dos Coral Tattoo avança que “já temos o EP completo, gravado e masterizado, temas fortes prontos para serem lançados, mas optámos por nos apresentar single a single. Vamos mostrando a nossa música e o nosso estilo tema a tema”. Os Coral Tattoo são compostos por João Pedreira (até então com carreira a solo), Sérgio Martins (Dona Elvira), o produtor Mário Vieira Peniche (ex-músico de João Pedro Pais, Zealots, Lado a Lado com Mafalda Veiga, Hot Stuff…), Zé Vilão (Peste e Sida, Sérgio Godinho, entre outros), Rodrigo Domingues (ex-teclista dos Disaffected) e Lee An (guitarrista das Black Widows).


Os ícons do power metal, Iron Fire, avançaram com a data de 4 de maio para o lançamento do seu duplo CD Dawn Of Creation: Twentieth Anniversary. O álbum que sai pela Crime Records é composto por uma coleção de demos, faixas ao vivo, versões e três temas novos. O album estará disponível em formato digital e fisicamente no formato digipack.


Another Wonderland é o nome do álbum de estreia dos Magical Heart. O disco sai em junho pela Fastball Music e a história da sua criação remonta a 2014 quando o quarteto alemão se reuniu para criar um poderoso projeto de rock que angariou diversos fãs atuando sob a denominação de Quo Vadis.  Com dez canções e um tema bónua acústico, Ocean, os Magical Heart provam que o dinâmico melodic rock é intemporal.


Em colaboração com a NASA, surge o fantástico novo trabalho do compositor francês Alan Simon. Depois do brilhante Excalibur IV surge o bombástico Big Bang. 120 musicos participam nos 14 temas do disco que convida o ouvite a uma viagem pela origem do universe e pelo destino do planeta Terra. Em média, mais de 200 pistas foram utilizadas em cada música. Folk, rock, jazz e world music contribuem para este efeito.



As Vozes da Rádio são uma das maiores referências da música Portuguesa. Este quinteto acapella prepara-se para lançar a 16 de abril o seu 11º disco, Canções do Homem Comum, Vol II, naquele que é, sem dúvida, o mais arrojado disco da sua já longa carreira de 27 anos. O single de estreia, é o orelhudo Vais Dançar, que nos transporta para uma viagem aos anos 60, tendo até a particularidade de ter sido usado um stylophone, um pequeno sintetizador de mão que se toca com uma caneta.