Ópera Spectacular

Ópera Spectacular

Review: Captivity (FORTH)


Álbum | Captivity
Artista | Forth    
Edição | Secret Entertainment   
Ano | 2019
Origem | Finlândia
Género | Hard rock, classic rock
Highlights | Can’t Bring Me Down, Our Worst Enemy, Bad Moon Rising, Can You Feel My Love, Never Alone
Para fãs de | Ugly Kid Joe, Queen, Neil Young, Nirvana, Candlebox
Apreciação
O novo álbum dos Forth mostra a banda a dar um passo em frente em relação ao seu hard rock com um toque de grunge. Captivity é feito desse hard rock com boas harmonias e memoráveis melodias e traz uma postura mais evolutiva e arrojada. Os temas são maiores, há mais e melhores solos, há mais emoção. Enfim, há crescimento da banda que ainda peca por não fazer a filtragem adequada, o que representa a existência de um par de fillers que deveriam ter sido excluídos. Sem prejuízo desse aspeto, Captivity é um disco com um conjunto de grandes malhas e que vai sempre em crescendo, atingindo momentos espetaculares nas três últimas faixas. [74%]

Tracklist
01. Master And Slave
02. Black Angel
03. On Top Of The World
04. Higher Ground
05. Twist Of The Knife
06. Can't Bring Me Down
07. Own Worst Enemy
08. Can't Help Falling In Love
09. Let Me In
10. Bad Moon Rising
11. Can You Feel My Love
12. Never Alone

Line-up
Brian Forth – vocais, guitarra ritmo, piano, teclados
Tim Norrgrann – guitarra solos, programações
Michael Söderbäck – baixo
Eric Von Hertzen - bateria



Comentários