Review: Towers Of Gold (SACRED OUTCRY)

 


Towers Of Gold (SACRED OUTCRY)

No Remorse Records

Lançamento: 19/maio/2023

 

O primeiro álbum deste coletivo grego Sacred Outcry, intitulado Damned For All Time…, lançado há três anos já nos tinha deixado muito boas impressões. Por isso, foi com expetativas altas que partimos para a audição do seu sucessor, Towers Of Gold. E, mais uma vez, a banda de Pireu volta a não desiludir. O seu metal pode, efetivamente, cair para o power, como acontece nas primeiras faixas na forma de composição (esquecendo, portanto, a bela introdução em registo acústico), The Flame Rekindled (Lurid Lights And Drunken Revelry) e The Voyage (Towards Immortality), mas é assumidamente épico, lembrando, muitas vezes os Arrayan Path ou os Warlord. Para além da introdução, as guitarras acústicas assomam em diversos outros momentos, fortalecendo a diversidade e a capacidade épica. Para este álbum, George Apalodimas mudou a totalidade da formação da banda, embora isso não nos pareça ter influência significativa na sua sonoridade. As canções continuam a ser bem escritas e bem executadas. Os ambientes que preenchem e enquadram o trabalho da instrumentação estão bem desenhados. O vocalista tem um registo poderoso, conseguindo com facilidade atingir bons agudos, embora pudesse, por vezes, optar por baixar, o que melhoraria a linha melódica. As guitarras conjugam na perfeição para criar belos arranjos e harmonias. A secção rítmica mostra-se coesa e dinâmica. Depois, surge uma componente cinematográfica que a espaços se vai mostrando, assumindo-se com plenitude no longo épico, o coração deste álbum, que é o tema-título. Todos estes elementos vão sendo introduzidos em diversas camadas que vão ganhando força e visibilidade com as sucessivas audições. Por isso, com propriedade pode ser afirmado que este segundo capítulo da história dos Sacred Outcry se revela mais uma excelente proposta. [85%]

 

Highlights

Symphony Of The Night (The Curse Of The Blind), The Flame Rekindled (Lurid Lights And Drunken Revelry), Towers Of Gold (Tempus Edax Rerum), Where Crimson Shadows Dwell (And Ouroboros Dreamt), The Sweet Wine Of Betrayal (The Perennial Sin)

 

Tracklist

1. Through Lands Forgotten (At The Crossroads Of Fate)

2. The Flame Rekindled (Lurid Lights And Drunken Revelry)

3. The Voyage (Towards Immortality)

4. Into The Storm (Beyond The Lost Horizon)

5. Symphony Of The Night (The Curse Of The Blind)

6. A Midnight Reverie (Whispers In The Wind)

7. The Sweet Wine Of Betrayal (The Perennial Sin)

8. The City Of Stone (The Burden Of The Crownless Kings)

9. Towers Of Gold (Tempus Edax Rerum)

10. Where Crimson Shadows Dwell (And Ouroboros Dreamt)

 

Line-up

Daniel Heiman – vocais

Steve Lado – guitarras

Defkalion Dimos – bateria

George Apalodimas – baixo

 

Convidados

Jeff Black – guitarra 12 cordas (5, 10)

Yorgos Karagiannis – guitarras acústicas (1, 5, 6)

 

Internet

Bandcamp   

Facebook   

Youtube   

Spotify    

 

Edição

No Remorse Records    

Comentários

DISCO DA SEMANA VN2000: Miracles Beyond (INTELLIGENT MUSIC PROJECT) (Intelligent Music)

MÚSICA DA SEMANA VN2000: I'm So Sorry (SOULLINE) (Massacre Records)

GRUPO DO MÊS VN2000: Alpha Warhead