Review: Corrosão Social (CORROSÃO SOCIAL)


 

Álbum | Corrosão Social   

Artista | Corrosão Social    

Edição | Firecum Records     

Lançamento | 31/março/2023

Origem | Portugal

Género | Punk rock

Highlights | Miséria, Amayita, Cock Rock, Antifa, Pela Liberdade

Para fãs de | Peste & Sida, Censurados, Mata Ratos, Crise Total

Apreciação

Os Corrosão Social já por cá andam há muito tempo, como o prova este conjunto de canções que foi escrita entre 2004 e 2005. Mas só agora chegam ao primeiro lançamento com o seu álbum homónimo. Uma coleção de curtas descargas punk rock, cheias de adrenalina e carregadas de contestação política e social. A principal caraterística é a produção crua e suja o que confere ainda mais poder de luta e de choque a estes manifestos. Corrosão Social não foge muito ao que os ícones deste estilo já fizeram, trazendo a violência crua dos Censurados, o humor sarcástico dos Mata Ratos e o funk, ska e sopros dos Peste & Sida. A estes elementos ainda se podem associar influências folk presentes em Cock Rock. Relativamente aos sopros, estes são, na verdade, a grande mais-valia deste álbum. Surgem em diversos momentos e trazem arranjos que até poderíamos considerar demasiadamente elaborados para canções de estruturas tão simples e diretas. Mas é, precisamente, esse paradoxo que torna esta estreia tão interessante. [77%]

 

Tracklist

1.      Hierarquias

2.      Miséria 

3.      Amayita

4.      Cock Rock

5.      Antifa

6.      Impostos

7.      Pela Liberdade

8.      Bom Para a Economia

9.      Sem Governantes

10.  Durão (A Fuga)

 

Line-up

Jimmy – guitarra, vocais

Gaby – guitarras, backing vocals

Garras – baixo, backing vocals

Monteiro – bateria

 

Convidados

José Fernandes – saxofone

João Costa – saxofone

Jaime Almeida – clarinete, clarinete baixo

Comentários

DISCO DA SEMANA #29 VN2000: Blood On Canvas (DARKNESS) (Massacre Records)

MÚSICA DA SEMANA #30 VN2000: Nocturne (SUNBURST) (Inner Wound Recordings)

GRUPO DO MÊS #07 VN2000: .CRUZAMENTE