Review: Redshift (WORSELDER)

 


Redshift (WORSELDER)

Independente

Lançamento: 17/fevereiro/2023

 

Após terem explorado várias áreas dentro do metal, os membros dos Worselder estabeleceram um estilo que é cada vez mais pessoal e único. Deixaram isso bem evidente, embora de forma pouco consistente, em Paradigms Lost e voltam a demonstrá-lo, agora de uma forma muito mais coesa, no seu novo trabalho Redshift. Este é álbum de metal moderno, baseado em ritmos sólidos, arranjos progressivos e diversidade vocal, tudo conjugado num estilo musical orgulhosamente assente nas suas raízes pirenaicas. Um disco de metal moderno como mandam as regras, sem se colar a nenhum estilo, mas revisitando diversos. Numa base com muito groove desenvolvem-se desenhos musicais que vão do metalcore ao thrash metal, passando pelo prog e pelo death metal. E tudo misturado num saco de criatividade e originalidade. Esta forma de fazer metal tem sido uma peculiaridade das novas bandas francesas que, no caso dos Worselder, se manifesta pela criação de uma sonoridade muito própria, com identidade. O que não devem esperar é sentimento ou emoção. Pontualmente há ganchos melódicos, com destaque para Pillars Of Smoke e Absurd Heroes, mas, essencialmente, os Worselder são uma máquina fria de fazer metal. De tal forma que o curto interlúdio Insurgents (Part 1) é um único momento em a distorção grave é desligada. Assim, de uma forma fria e concisa, Redshift revela-se uma letal descarga de metal. E um claro passo em frente em relação ao seu trabalho anterior. [81%]

 

Highlights

Pillars Of Smoke, Absurd Heroes, Ascent To Rebirth, Point Of Divergency, The Exoteric Verses

 

Tracklist

1.      Para Bellum

2.      Point Of Divergency

3.      Pillars Of Smoke

4.      Absurd Heroes

5.      Atheist

6.      The Exoteric Verses

7.      Insurgents (Part 1)

8.      Insurgents (Part 2)

9.      Ascent To Rebirth

 

Line-up

Michel Marcq – bateria

Yannick Fernandez – baixo, backing vocals

Jeremie Delattre – guitarras

Yoric Oliveras – guitarras

Guillaume Granier – vocais

 

Internet

Bandcamp   

Facebook   

Website   

Instagram   

Comentários

DISCO DA SEMANA #29 VN2000: Blood On Canvas (DARKNESS) (Massacre Records)

MÚSICA DA SEMANA #30 VN2000: Nocturne (SUNBURST) (Inner Wound Recordings)

GRUPO DO MÊS #07 VN2000: .CRUZAMENTE