domingo, 15 de agosto de 2010

Review: Inward Beauty, Outward Reflection (Kandia)

Inward Beauty, Outward Reflection (Kandia)
(2010, Edição de Autor)

Formados pelas mentes de Nya Cruz e André, os Kandia estrearam-se com Light, um EP editado em 2008 (do qual recuperam o tema Rise que aqui reaparece) e sem esmorecer publicam, já este ano, Inward Beauty, Outward Reflection o seu primeiro longa duração. E para que nos situemos logo à partida importa referir que este é um trabalho de extremo bom gosto e de um nível elevadíssimo que o coloca como sério candidato a disco do ano. Estilisticamente o duo faz uma abordagem ao metal de cariz melódico (sem entrar nos campos do gótico, o que acontece muitas vezes aos colectivos com senhoras nas vocalizações), com uma elevada dose de romantismo mas, simultaneamente, com uma densidade ao nível das guitarras digna de registo e com uma adequada dose de groove ao qual não faltam, aqui e ali, ligeiros apontamentos electrónicos que tornam as canções muito mais interessantes, vibrantes e apelativas. As guitarras, têm um importante desempenho quer ao nível das secções harmónicas, quer ao nível de riffs, quer ao nível dos solos, bem colocados, superiormente introduzidos e perfeitamente executados. Para além das seis cordas, também a voz de Nya Cruz, num registo próximo de Cristina Scabbia, assume um papel preponderante: excelente no campo da colocação, da afinação, da dinâmica e da melodia imprimida. Neste campo merece destaque o excelente dueto com J. P. Leppaluoto (dos Charon) em Reflections. Por falar em convidados, Pedro Mendes executa o solo em Paranoia, Daniel Cardoso assume a bateria (mais um desempenho fantástico deste músico de eleição) e pianos em todo o álbum e Zé Puto toca tablas em Waste My Time, um dos mais brilhantes momentos (entre outros sublimes como Paranoia, Into Your Hands, Y.S.L.E. ou Love As A Man) do disco nas suas influências arábicas. Pode citar-se Lacuna Coil como a principal referência, nomeadamente na melhor fase dos transalpinos, ou seja, por alturas do álbum Unleash The Memories, mas com mais intensidade, força e, em momentos, velocidade. E isso, provavelmente devido ao excelente trabalho (mais um!) de produção de Daniel Cardoso (em conjunto com a própria banda) nos UltraSound Studios, mas acima de tudo pela genialidade ao nível da composição e execução do duo. Imprescindível e a assunção de mais um nome a reter.

Track List:
1. Intro
2. Paranoia
3. Into Your Hands
4. Hold On To Me
5. Inwards
6. All I Need To Know
7. Reflections
8. Y.S.L.E.
9. Love Me As I Am
10. Rise ‘09
11. Waste My Time

Line up: Nya Cruz (vocais), André (guitarras)

Internet:
www.myspace.com/kandiamusic

Sem comentários: