quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Review - Kinetic (Catacombe)

Kinetic (Catacombe)
(2010, Slow Burn Records)

Vale de Cambra, assistia, em 2007, ao nascimento dos Catacombe, um projecto germinado na mente de Pedro Sobast que pretendia criar música instrumental. Em forma individual, os Catacombe assinam em 2008 o EP Memoirs, editado pela Poison Tree Records. Após a edição deste trabalho, Pedro Sobast alargou a base de músicos do colectivo transformando esta entidade numa verdadeira banda. E assim surge Kinetic o primeiro longa duração. Na sequência do que já vinha a ser feito, Kinetic é um disco instrumental que cruza o metal com pós-rock, criando momentos de uma magia indescritível. É um trabalho de classe mundial, onde cada paisagem é pintada de uma forma muito intimista e onde se potencia um desfilar de sentimentos e emoções. Eventualmente, coisas que não podiam ser escritas e por isso se transformam em longos instrumentais coesos e capazes de criar as mais diversas sensações e ambientes. Por exemplo, os momentos lentos de Supernova são de uma melodia e sentimento a todos os níveis brilhante que, de uma forma, natural se desenvolve para momentos mais densos, mas, ainda assim, muito agradáveis. Mas, em cada um dos sete longos temas que compõem este disco poderemos encontrar diferentes estados de espírito que rapidamente se alteram guiando os ouvintes numa intensa espiral de vivências diferenciadas. O que faz com que cada tema tenha uma identidade própria e se assuma, individualmente, como uma peça importante do puzzle total que é o álbum no seu todo.

Tracklisting:
1. Grundsatz
2. Supernova
3. Anna-Liisa
4. Memoirs (extended)
5. Cavalgada Épica
6. Mockba
7. Sequóia

Lineup:
Pedro Sobast - guitarra
Sérgio Soares – baixo
Eduardo Costa – guitarra
Paulo Kwane – bateria
Cristiano Moreira – teclados

Internet:

1 comentário:

Anónimo disse...

fiquei positivamente surpreendido com esta banda! não tinha prestado mt atenção ao seu EP de estreia mas este Kinetic é qualquer coisa de especial. espero que tenham muito sucesso!