sexta-feira, 4 de março de 2011

Review - Rebuilding The Ruins (Images Of Eden)

Rebuilding The Ruins (Images Of Eden)
(2011, Nightmare)

Os norte-americanos Images Of Eden atingem o seu terceiro registo de originais, mantendo a sua tradicional toada: metal progressivo na linha de Dream Theater/Symphony X com a adição de alguns elementos do hard rock ou até do thrash metal. Falar de Rebuilding The Ruins não é fácil. E não é fácil porque a banda se cola demasiado às suas referências e isso limita sempre a avaliação porque a bitola de comparação acaba por ser… demasiado alta. Mas sempre se pode ir dizendo que, como sempre acontece no prog, os elementos dos Images Of Eden são evoluídos tecnicamente e, por momentos, parecem ser bons criadores de música. Ora, o problema parece estar precisamente aí: no por momentos. Rebuilding The Ruins é um álbum demasiadamente longo (74 minutos). Cremos que com a velocidade que o mundo corre hoje ninguém terá 74 minutos livres para conseguir ouvir este disco do princípio ao fim todo de seguida. Mas voltemos ao por momentos: é que por momentos, a banda brilha a grande nível; noutros torna-se maçadora e sem ideias criando fases completamente desnecessárias (estão a ver onde se podia reduzir o tempo do disco?). Mais curioso ainda: alguns dos momentos melhores nem são temas completos, mas secções de temas. Human Angels é um dos bons exemplos. Bem estruturada, com interessantes alterações rítmicas, solos bem conseguidos em termos melódicos e jogos vocais minimamente interessantes fazem desta faixa uma das melhores do disco. Outro bom exemplo é My Stigmata, numa aproximação inicial ao thrash da Bay Area, à qual se segue um solo extraordinário terminando com uma secção final onde um belíssimo piano lidera uma melodia envolvente digna de registo. Depois há as fases, sendo que os finais de Sorrow’s End e On Elevated Ground se destacam pela positiva em temas que até aí nada de novo acrescentavam, sendo que no primeiro caso citado, os coros ohoh se mostram completamente desastrados. Depois há todo o resto de temas que parecem muito forçados mostrando que os Images Of Eden acabam por se perder nas suas criações originando que não consigam erguer temas que se tornem memoráveis. E é ai que, irremediavelmente, o quinteto falha.

Tracklisting:
1. Crosses In The Sand
2. Human Angels
3. Tribal Scars
4. Dreams Unbroken
5. Sorrow’s End
6. Rebuilding The Ruins
7. My Stigmata
8. Native To His Land
9. Children Of Autumn
10. On Elevated Ground
11. Sunlight Of The Spirit Part IV – Images Of Eden

Lineup:
Gordon Tittsworth – vocais
Dennis Mullin – guitarras
Matt Kaiser – bateria
Bryan Wierman – baixo
Bill Harris - teclados

Internet:

Edição: Nightmare

Sem comentários: