segunda-feira, 29 de abril de 2013

Review: IV (Giuntini Project)

Project IV (Giuntini)
(2013, Escape)
(4.9/6)
Como o próprio nome deixa antever este é já o quarto trabalho do mago italiano da guitarra Aldo Giuntini. IV acaba também por ser a lógica continuação musical dos trabalhos anteriores do guitarrista. A abertura speedada de Perfect Sorrow traz-nos logo um nome à memória: Dio. E mesmo a compassada Born In The Underworld, mantém essa sensação. O facto de o vocalista ser Tony Martin, também poderá não ser completamente alheio. Estranho é o facto de pontualmente (e isso acontece em dois temas, Cured e, principalmente, na thrashada How The Story Ends) as referências se aproximarem de… Megadeth. Então o refrão da segunda é descarado! Os melhores momentos deste disco de hard rock tradicional ficam, no entanto, reservados para os dois instrumentais, The Rise And The Fall Of Barry Lyndon e Last Station: Nightmare. Não que tenhamos algo contra o desempenho de Tony Martin (que é excelente, refira-se), mas porque Giuntini é um guitarrista, parece muito mais à vontade quando compõe apenas a pensar na sua guitarra. Talvez por isso, também pareça que os temas se transfiguram para melhor, nos momentos em que ele sola ou, pelo menos, tem maior exposição. Independentemente disso, IV é um disco cheio de groove, com grandes guitarradas, muito densas durante grande parte do disco, muito bem vocalizado (já o tínhamos dito!) e com algumas linhas melódicas agradáveis. E com um par de temas (para além dos já citados) claramente situados acima de uma bitola média.
Tracklist:
1) PERFECT SORROW 
2) BORN IN THE UNDERWORLD 
3) SHADOW OF THE STONE 
4) CURED 
5) I DON'T BELIEVE IN FORTUNE 
6) IF THE DREAM COMES TRUE 
7) THE RISE AND FALL OF BARRY LYNDON 
8) BRING ON THE NIGHT
9) NOT THE JEALOUS KIND 
10) SAINT OR SINNER 
11) LAST STATION: NIGHTMARE 
12) HOW THE STORY ENDS
13) TRUTH NEVER LIE 
Line-up:
Aldo Giuntini - guitarras
Tony Martin - vocais
Fabiano Rizzi - bateria
Roberto Gualdi - bateria
Fulvio Gaslini - baixo
Liz Vandall – vocais em Bring On The Night
Internet:
Edição: Escape Music

Sem comentários: