sábado, 29 de março de 2014

Review: Gush (The Melancholic Youth Of Jesus)

Gush (The Melancholic Youth Of Jesus)
(2013, Ethereal Sound Works)
(4.1/6)

Com uma vasta experiência e com uma áurea de cult band, Carlos Santos tem dividido o projeto The Melancholic Youth Of Jesus entre Portugal e a Inglaterra, e embora, naturalmente aberto a outras tendências e vivências, vai mantendo a sua linha condutora de forma bem coerente. Gush é o trabalho do ano passado. 10 temas curtos, num álbum curto e que ainda assim consegue pisar vários territórios, explorando diversas sonoridades alternativas: industrial, noise, rock, grunge. Os ritmos maquinais e as guitarras distorcidas criam uma ambiente vintage, claramente urbano e fortemente pintado de negro. Velvet Underground, Sisters Of Mercy, Jesus And Mary Chain serão algumas das referências de um disco que também um manifesto de identidade individual de Carlos Santos que assume a quase totalidade do processo. Os dois temas que já serviram para single (Detroit e Theme For Ambition), juntamente com Insensivity e Ultrasound são os momentos eventualmente mais musicais e um pouco mais mainstream. Porque para lá disso, Gush tem muito ruído e noise, mesmo quando as guitarras acústicas também fazem a sua aparição. Computer Girl é, pelo oposto, o mais maquinal e exploratório momento, numa forma quase asfixiante do sentido audição. A exploração levada ao limite. Para o final os sintetizadores surgem mais visíveis, mas sempre de forma pouco ortodoxa: ora criando atmosferas celestiais, ora entrando em contratempo de forma estranha e, acrescentaríamos, verdadeiramente louca. Ainda assim, algum apontamento de cor num cenário sempre negro. Gush não é um disco fácil de ouvir. Nem os The Melancholic Youth Of Jesus alguma vez foram simplistas e facilmente percetíveis. Quem gosta sabe com o que pode contar. E com Gush pode contar com o que de melhor Carlos Santos já fez.

Tracklist:
1.      Paralised
2.      Sugar
3.      Detroit
4.      Insensivity
5.      Ultrasound
6.      Theme For Ambition
7.      Computer Girl
8.      Jaworzno
9.      I Took U In
10.  Crawl

Line-up:
Carlos Santos – todos os instrumentos

Internet:

Sem comentários: