terça-feira, 26 de agosto de 2014

Reviews: Make Art (Sticky Boys)

Make Art (Sticky Boys)
(2014, Listenable Records)
(5.5/6)

Quem já tinha gostado da atitude descomprometida, sem regras e até um pouco javarda de This Is Rock ‘n’ Roll, não deixará de gostar também deste seu sucessor Make Art. Falamos dos Sticky Boys, banda que após dois anos de amadurecimento, continua fiel ao seu desígnio: tocar hard rock ‘n’ roll, sujo, alto, direto, verdadeiro. O trio francês mantém as suas referências algures entre uns AC/DC, uns DAD e até uns Motörhead, continua a demonstra uma atitude e uma entrega ao seu género assinaláveis e o resultado só pode ser mais um disco explosivo, sempre a abrir, com a guitarra bem alta e um baixo a marcar o ritmo de uma forma possante. Não inventam nada, pois provavelmente o rock ‘n’ roll é mesmo assim: sem nada para inventar. Apenas tocar de forma livre e apaixonada, sentir cada riff como se fosse o último, bater forte e deixar fluir o poder e o feeling em cada nota e em cada acorde. São assim os Sticky Boys. É assim Make Art. Acima de tudo honesto e, muito importante, conseguido com um conjunto de grandes temas. Porque se aqui há energia, loucura e entrega, também há inspiração, qualidade e personalidade.

Tracklist:
1.      Mary Christmas
2.      Bad Reputation
3.      High Power Thunder
4.      Mrs Psycho
5.      Uncle Rock
6.      Party Time
7.      The Future In Your Hands
8.      Love On The Line
9.      The game Is Over
10.  Juicy Lucy
11.  Make Art

Line-up:
JB Chesnot – baixo
Tom Bullot – bateria
Alex Kourelis – vocais, guitarras

Internet:

Sem comentários: