terça-feira, 17 de novembro de 2015

Review: Chapter IV: The Reckoning

Chapter IV: The Reckoning (Signum Regis)
(2015, Ulterium Records)
(5.8/6)

Quando em maio deste ano os Signum Regis lançaram esse estrondoso EP intitulado Through The Storm, por muito boa gente considerado o seu melhor trabalho de sempre, tudo indicava que o álbum seu sucessor, e desde logo agendado, para o outono pudesse ser uma verdadeira obra-prima. Finalmente chegou o tão esperado Chapter IV: The Reckonig e o mínimo que se pode dizer é que os eslovacos voltaram a surpreender e não desiludem. Chapter IV: The Reckoning assume-se como um álbum declaradamente mais metal, mantendo a componente melódica muito acentuada, incrementando a riqueza instrumental – com o baixo de Ronnie König a voltar a desempenhar um papel fulcral e a guitarra de Filip Kolus com um trabalho muito bem elaborado – embora perdendo algum sentimento power e alguma da influência sinfónica. Por outro lado, Mayo Petranin revela-se a voz ideal para este coletivo, com um desempenho de grande nível, bem adaptado a um registo bastante épico. E, de facto, se esta rodela não é uma obra-prima fica lá muito próximo, com um conjunto de temas brilhantes, particularmente a partir do meio do disco. Temas como The Magic, Quitters Never Win, When Freedom Falls, The Kingdom Of Heaven e o belíssimo fecho com extraordinárias linhas de piano em Bells Are Tolling que estão ao nível do que de melhor se tem feito neste segmento de metal. Por isso, parabéns aos Signum Regis por chegarem ao quarto trabalho (mais o EP!) mantendo a mesma bitola de excelência em registos sempre diferenciados.

Tracklist:
01. Lost And Found
02. The Secret Of The Sea
03. The Voice In The Wilderness
04. Prophet Of Doom
05. The Magic
06. Quitters Never Win
07. Tempter Of Evil
08. When Freedom Fails
09. The Kingdom Of Heaven
10. Bells Are Tolling

Line-Up:
Mayo Petranin - vocais
Filip Kolus – guitarras
Ronnie König - baixo
Jan Tupy - teclados
Jaro Jancula – bateria

Internet:
Website    

Edição: Ulterium Records    

Sem comentários: