terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Review: Miracle Of Healing (Andy Gunn)

Miracle Of Healing (Andy Gunn)
(2015, Independente)
(5.4/6)

Impressiona como uma simples guitarra pode mudar a vida de alguém. Falar de Andy Gunn também é falar da sua doença, precocemente detetada – hemofilia. E foi uma guitarra que os seus pais trouxeram para casa que mudou a vida deste guitarrista das Highlands apaixonado pelo blues. E para quem gosta de blues, nomeadamente da escola Stevie Ray Vaughan/Eric Clapton vai ficar, seguramente, encantado com este novo álbum, Miracle Of Healing, originalmente lançado de forma independente em 2014, mas agora alvo de uma distribuição maciça em todo o mundo. E é preciso recuar cinco anos até encontrarmos o anterior álbum do guitarrista de Inverness, o intitulado Regional Variations. Foi um hiato importante que o músico aproveitou para trabalhar bem as 11 novas canções que agora se apresentam. O blues está omnipresente na sua guitarra limpa mas plena de emoção e é enriquecido pela introdução de harmónicas que transportam algo dos EUA rurais, sendo que outro aspeto relevante a ter em conta neste disco é o rigor do trabalho ao nível de coros. Apesar de tudo, Miracle Of Healing, tem alguns altos e baixos, principalmente no número de temas demasiado calmos que acabam por imprimir alguma repetitividade. O disco começa forte, depois vai-se notando alguma monotonia na sua zona central, para finalmente, volta a impor-se com um conjunto de temas onde o mood blues com o pedal steel, a harmónica, o dobro e o hammond fazem toda a diferença.

Tracklist:
1.      Are We Thru?
2.      Black Heart
3.      Beyond The Open Door
4.      Brighter Days
5.      Freedom Reality
6.      Harmony Of One
7.      Hold On
8.      Planting The Seeds
9.      Miracle Of Healing
10.  Trouble Women
11.  Road That Leads Back Home

Line-Up:
Andy Gunn – guitarra solo e ritmo, vocais
Neil Harland – baixo
Kate Stephenson – bateria
John Steel – teclados
Martin Stephenson – guitarras acústicas e percussão
Stevie Smith – guitarras elétricas e acústicas, harmónica
Jim Hornsby – dobro
Malcolm MacMasters – pedal steel
Jo Hamilton, Susanna Wolfe, Miriam Campbell – coros

Internet:
Website   
Facebook   
Twitter   

Sem comentários: