sábado, 20 de fevereiro de 2016

Review: Chronicles Of Light (Arrayan Path)

Chronicles Of Light (Arrayan Path)
(2016, Pitch Black Records)
(6.0/6)

Podia parecer uma tarefa quase impossível conseguir superar IV: Stigmata, quarto álbum dos Arrayan Path lançado em 2013, mas, surpreendentemente, o coletivo cipriota está de volta aos discos e consegue superar-se. Chronicles Of Light mantém a mesma equipa vencedora, liderada pela produção magistral de Vangelis Maranis a liderar uma equipa que ganhou novo folego com a entrada do novo guitarrista Alexis Kleidaras. Chronicles Of Light, contrariamente ao que o título deixa supor, é, na sua maioria, mais dark que o seu antecessor, com as guitarras mais graves e riffs mais pesados e com mais groove. Vocalmente Nicholas Leptos acede a um superior patamar de genialidade. A sua produção vocal está mais aberta, mais ampla, com um maior registo e amplitude. Arrisca alguns guturais na mais pesada e também mais progressiva faixa, The Distorted Looking-Glass, entra sem qualquer problema por registos teatrais (Scorpio, versão de um tema pop grego dos anos 80 e December são os melhores exemplos) e frequentemente funciona como mais um instrumento a criar sons esquisitos. Mas o ponto forte deste quinteto, adicionado de uma série de convidados que emprestam os seus dotes em várias áreas, é a capacidade inata para criar melodias memoráveis. Não há, atualmente, nenhuma banda que consiga criar melodias tão belas, tão épicas e tão empolgantes como os Arrayan Path. Basta referir isto: acaba-se de ouvir o disco pela primeira vez e mais de metade das melodias ficaram coladas na cabeça. Ouve-se o disco pela segunda vez e a comichão cerebral com as linhas melódicas é permanente. Temas como Solomon Song, Gabriel Is Rising, Lex Talionis ou Chronicles Of Light adicionados das super-baladas Ignore The Pain e December, da cover eletro-sinfónica-coral Scorpio, da speedada anos 80 Orientis e do belíssimo tema extra The Last Eulogy são do melhor que já ouvimos. Mais diversificado, melhor vocalizado e com a mesma excelência no que diz respeito às melodias, composição e produção, Chronicles Of Light é, desde já e assumidamente um dos mais fantásticos álbuns da história do metal.

Tracklist:
1. Solomon Seed
2. Gabriel Is Rising
3. Τhe Distorted Looking-Glass
4. Orientis
5. Ignore the Pain
6. Scorpio (CD bonus)
7. Chronicles Of Light
8. Lex Talionis
9. December
10. The Last Eulogy (Download track)

Line-Up:
Nicholas Leptos - vocais
Paris Lambrou – baixo e programações 
Socrates Leptos – guitarras e programações
Stefan Dittrich - bateria 
Alexis Kleidaras - guitarras

Convidados:
Francois Micheletto – vocais
Sotiris Gogos – guitarra solo
Kikis Apostolou – guitarra solo
Kostas Vretos – guitarra solo
Antonis Mavrou – guitarra solo
Huseyin Kirmizi – teclados
Angelos Vafeiadis – teclados

Internet:
Facebook    
Myspace   

Edição: Pitch Black Records   

Sem comentários: