terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Review: Is This The Best You Can Do?! (Tó Pica)

Is This The Best You Can Do?! (Tó Pica)
(2015, Premiere Music)
(5.1/6)

Com mais de 20 anos de carreira musical, Tó Pica, lendário guitarrista dos Ramp, Sacred Sin e Secret Lie, parte agora para mais uma nova etapa da sua brilhante carreira assinando pela editora Premiere Music para o lançamento do seu álbum de estreia a solo Is This The Best You Can Do?. Desde logo convém frisar que este é um disco de um guitarrista, não é um disco de guitarrista. Expliquemo-nos: com exceção do tema de abertura, The Urge, não existe neste álbum mais nenhum tema de guitar hero, daqueles só de guitarra. Depois dessa abertura, é um álbum de verdadeiras canções, umas mais pesadas que outras, mas sempre com o conceito de coletivo muito presente. Aliás, instrumental só volta mesmo a haver o tema final, And… Just Breath, num ritmo tribal, experimental e com o piano a liderar. O português também está presente, e bem diga-se, porque Espelho é uma das canções mais fortes, quer em termos de prestação vocal, muito teatral e muito bem conseguida, quer em termos de arranjos, com o tema a crescer evolutivamente. Outra faixa que nos seduziu foi Taste My Blame, num registo mais calmo e introspetivo. O resto do álbum é composto por muito metal, bem forte, bem puxado, muito centrado em riffs demolidores, groove e melodias um pouco obscuras mas cativantes. Um metal que por vezes se aproxima do thrash, tal a sua intensidade. Comprovem-no em Suspended Metamorphosys, por exemplo. Todavia, o mais importante, é que Tó Pica fez um disco sem barreiras estilísticas e de grande liberdade criativa. Aliás, como sempre se definiu ao longo desses mais de 20 anos de carreira.

Tracklist:
01. The Urge
02. My Time Has Come
03. Binding The Distance
04. All Access Denied
05. Time Will Change
06. Espelho
07. Suspended Metamorphosys
08. The Tempest
09. Taste My Blame
10. Faceback
11. And…Just Breathe

Line-Up:
Tó Pica - guitarras
David Pais, Marco Resende e Tobel Lopes – vocais
Arlindo Cardoso – bateria
JE Sales – baixo
Sérgio Melo - guitarras

Internet:
Facebook   
Youtube   
Instagram   
Twitter    

Edição: Premiere Music   

Sem comentários: