domingo, 3 de abril de 2016

Review: Tales From Beyond (Mob Rules)

Tales From Beyond (Mob Rules)
(2016, Steamhammer/SPV)
(6.0/6)

Há coisas que nunca mudam e ainda bem que não mudam. Meros 18 meses depois das comemorações do seu vigésimo aniversário essa autêntica lenda viva do metal que são os Mob Rules regressam com mais um disco de originais. E que disco! Tales From Beyond é um impressionante disco que apresenta as principais caraterísticas dos germânicos – a sua inteligente mistura de heavy metal tradicional com elementos progressivos – elevado a um patamar de excelência ao alcance apenas de predestinados. Logo a abrir temos a maideniana Dykemaster’s Tale, espetacular tema a definir a qualidade que virá daí para a frente. Uma matriz do NWOBHM, com Iron Maiden à cabeça, enriquecida por estruturas complexas assentes em várias camadas dando origem a um som denso e onde cada nanosegundo é aproveitado para executar qualquer movimento musical. Merece especial destaque o notável trabalho nas harmonias vocais e coros. Assim, como já estamos habituados em ouvir, por exemplo, em Blind Guardian. E depois da abertura referida somos introduzidos a um conjunto de grandes momentos como por exemplo On The Edge, My Kingdom Come, The Healer ou Dust Of Vengeance. Canções fabulosas, verdadeiros hinos metálicos que estão ao melhor nível já feito pelos alemães e dentro do género. O disco conta ainda com o tema título, um épico dividido em três partes e como bónus, uma versão do clássico da banda Outer Space. Foram dez meses nos quais os Mob Rules se fecharam a trabalhar em Tales From Beyond, criando temas que seguem a sua tradição presente nos sete álbuns anteriores, mas introduzindo uma multitude de surpresas e inovações, nomeadamente o som multifacetado que já surgia no seu álbum anterior Cannibal Nation (2012) e que agora se revela mais desenvolvido. Também as influências celtas continuam presentes e são notórias num tema como Somerled. O resultado é um dos melhores discos da carreira dos Mob Rules. Rico, multifacetado, com diversidade e uma clareza instrumental digna de registo. Brilhante!

Tracklist:
1.Dykemaster's Tale 
2. Somerled 
3. Signs 
4. On The Edge 
5. My Kingdom Come 
6. The Healer 
7. Dust Of Vengeance
8. A Tale From Beyond (Part 1: Through The Eye Of The Storm) 
9. A Tale From Beyond (Part 2: A Mirror Inside) 
10. A Tale From Beyond (Part 3: Science Save Me!) 
11. Outer Space (Bonustrack)

Line-Up:
Klaus Dirks – vocais
Matthias Mineur – guitarras
Sven Lüdke – guitarras
Markus Brinkmann – baixo
Nikolas Fritz – bateria
Jan Christian Halfbrodt – teclados

Internet:
Website    
Facebook   
Instagram    
Vimeo   

Edição: Steamhammer/SPV   

Sem comentários: