sábado, 23 de julho de 2016

Review: The Heathen Dawn (Lonewolf)

The Heathen Dawn (Lonewolf)
(2016, Massacre Records)
(5.6/6)

Novo álbum para os líderes do true heavy metal francês Lonewolf intitulado The Heathen Down e a principal novidade é a entrada de um novo guitarrista solo Michael Hellström. E podemos começar precisamente por aí, porque solos incríveis de beleza, técnica e velocidade não faltam nesta rodela. Há, também, muitas harmonias, melodias épicas, cavalgadas impressionantes. Tudo isto são caraterísticas do heavy metal e marca, também, dos Lonewolf. Mas o elemento que se destaca neste novo álbum é mesmo a qualidade dos solos. A parte vocal continua a ser a mais esforçada, embora até nos comecemos a adaptar ao registo pouco amplo de Jens Börner, pelo menos quando a qualidade envolvente acaba por fazer esquecer essas limitações. E, pelo menos a primeira metade do disco, é de uma qualidade impressionante, com um heavy metal de classe mundial. Depois, The Heathen Down abranda um pouco mas mantém sempre uma bitola elevada. Um disco para os verdadeiros e intemporais fãs de metal verdadeiro e intemporal.

Tracklist:
  1. A Call To Wolves
  2. Wolfsblut
  3. Demon's Fire
  4. Keeper Of The Underworld
  5. When The Angels Fall
  6. Until The End
  7. Rise To Victory
  8. Heathen Dawn
  9. Into The Blizzard
10. The Birth Of A Nation
11. Song For The Fallen
12. I Choose The Dark (Digipak Bonus)
13. Mother Faith (Digipak Bonus)

Line-Up:
Jens Börner – vocais, guitarra ritmo
Michael Hellström – guitarra solo
Rikki Mannhard - baixo
Bubu Brunner – bateria

Internet:
Website     
Facebook   
Twitter  

Edição: Massacre Records     

Sem comentários: