quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Review: It Works (Matteo Brigo)

It Works! (Matteo Brigo)
(2016, Independente)
(5.9/6)

Guitarrista italiano dos Maieutica, com álbuns lançados em 2012 (Logos) e já este ano (R. E. S.), Matteo Brigo é um guitarrista e compositor que se aventurou na sua primeira criação em nome individual. Aparentemente, para além disso é também um cientista louco e exuberante que conseguiu criar uma qualquer criatura que – pasme-se – funciona! Bem It Works! é o nome deste álbum instrumental e conceptual que conta, apenas por música, a bizarra sequência de eventos que estão na origem da criação de uma criatura – uma guitarra viva – criada por um cientista e pelo seu assistente vegetal. Com uma capa que tem tanto de infantil como de apelativa, It Works! na realidade funciona mesmo, mostrando um guitarrista dotado de talento suficiente para criar um conjunto de canções incríveis, de enorme criatividade e grande musicalidade. Um verdadeiro trabalho de guitar hero, como havia nos anos 80, onde a guitarra brilha a grande altura, mas onde ainda sobra muito espaço para os outros instrumentos também poderem expor-se. Alguns momentos estranhos existem nesta rodela (nem podia ser doutra forma num laboratório que conta com um vegetal como assistente!) mas a qualidade das canções, as melodias, as estruturas, os arranjos acabam por se sobrepor. Os fãs de Joe Satrini, Steve Vai, Eddy Van Halen ou mesmo Frank Zappa não deverão perder este disco. Os amantes do metal em geral e de guitar heros em particular também não.

Tracklist:
1.  Kaboom
2.  Great Scott
3.  In The Lab
4.  It Works!
5.  AB Normal
6.  To The Time Machine
7.  Murder, They Wrote
8.  Multidimensional Scaling
9.  Super Paradox Combo
10. Who Knows

Line-Up:
Matteo Brigo - guitarras, teclados, programações, experimentações
Luca Serasin - baixo 
Alessandro Arcolin - bateria
Marco Zago:  teclados em Kaboom, Great Scott, Murder, They Wrote e Who Knows

Internet:
Website    
Facebook   

Sem comentários: