terça-feira, 2 de maio de 2017

Review: Tequila Suicide (Sinner)

Tequila Suicide (Sinner)
(2017, AFM Records)
(5.7/6)

Tequila Suicide é o nome do mais recente disco do lendário Mat Sinner e dos seus Sinner. Uma obra que apesar de relativamente curta (não chega aos 40 minutos), não é impeditivo de ser mais um excelente trabalho. Um disco que tem no seu centro os momentos mais interessantes, a começar em Dragons, a continuar em Battle Hill e a terminar em Sinner Blues. São todos temas que apresentam mais arrojo ao nível dos arranjos e com melhores linhas melódicas e por isso surgem mais destacados. E com a capacidade criativa em alta nomeadamente com os elementos folk de Battle Hill e o blues de Sinner Blues. Antes, Go Down Fighting é uma abertura em formato extremamente direto e de forte estrutura punk, Tequila Suicide acentua a costela heavy metal e Road To Hell revisita os Thin Lizzy. Para o final, o destaque vai para a sensacional Dying On A Broken Heart, uma balada eletro-acústica de enorme beleza e para Loud & Clear, uma faixa pesadona, num thrash à Metallica. Como se percebe, variedade não falta a este Tequila Suicide e alguns momentos de grande qualidade também não. Mas nem sempre o nível alto é mantido ao longo de todo o disco.

Tracklist:
1.      Go Down Fighting
2.      Tequila Suicide
3.      Road To Hell
4.      Dragons
5.      Battle Hill
6.      Sinner Blues
7.      Why
8.      Gypsy Rebels
9.      Loud & Clear
10.  Dying On A Broken Heart

Line-up:
Mat Sinner – baixo, vocais
Tom Naumann – guitarras
Alex Schopll – guitarras
Francesco Jovino - bateria

Internet:
Facebook   
Myspace   
SoundCloud   
Twitter   

Edição: AFM Records   

Sem comentários: