RIP - Malcolm Young (AC/DC) - We Salute You!

Review: War Of Dragons (Bloodbound)

War Of Dragons (Bloodbound)
(2017, AFM Records)
(6.0/6)

Com seis álbuns de estúdio e um CD/DVD ao vivo lançados desde 2005 os Bloodbound assumem-se cada vez mais como um dos expoentes máximos da nova geração do power metal. Stormborn (2014) tinha sido o momento mais alto da carreira dos suecos, mas é agora claramente ultrapassado pelo majestoso War Of Dragons, um misto de talento e trabalho que resulta numa coleção de 12 sensacionais novos temas. Os Bloodbound têm um toque único e que resulta da combinação perfeita entre Helloween, Freedom Call e Rhapsody Of Fire. A New Era Begins, assim começa o disco, com um instrumental curto que abre as hostilidades para um desenrolar de melodias soberbas, velocidade, enorme virtuosismo e o perfeito equilíbrio entre speed e mid-tempo. E bem que poderíamos dizer que, também, uma nova era começa para estes Bloodbound com a sua entrada, em definitivo, na elite do metal mundial. Entre dragões e batalhas, com coros épicos e majestosos, trombetas que convocam para imortais duelos, solos deslumbrantes, harmonias e melodias orelhudas, War Of Dragons também mostra como os suecos conseguem lidar brilhantemente com diferentes nuances enriquecedoras da sua música: folk, medieval, thrash, neoclássico. E sempre, com o conceito de canção muito presente. Temas como Battle In The Sky, Tears Of A Dragonheart, Silver Wings, King Of Swords, Symphony Satana ou Dragons Are Forever, são os melhores exemplos que o legado criado por Kai Hansen ou Luca Turilli continua bem vivo. E são bons exemplos da superior capacidade dos Bloodbound para criar hinos memoráveis de metal.

Tracklist:
1.      A New Era Begins
2.      Battle In The Sky
3.      Tears Of A Dragonheart
4.      War Of Dragons
5.      Silver Wings
6.      Stand And Fight
7.      King Of Swords
8.      Fallen Heroes
9.      Guardian At Heaven’s Gate
10.  Symphony Satana
11.  Starfall
12.  Dragons Are Forever

Line-up:
Pelle Åkerlind – bateria
Tomas Olsson – guitarras
Fredrik Bergh – teclados e vocais adicionais
Henrik Olsson – guitarras
Patrik J Selleby – vocais
Anders Broman - baixo

Internet:
Myspace   
Website   
Twitter   

Edição: AFM Records    

Comentários