quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Review: Fia-te na Virgem e Não Corras (Chapa Zero)

Fia-te na Virgem e Não Corras (Chapa Zero)
(2017, A Moca da Foca)
(5.5/6)

O segundo álbum dos Chapa Zero volta a trazer-nos um conjunto de temas de punk rock como ele deve ser feito. Mas, antes de mais, convém dizer claramente que se nota uma evolução consistente do primeiro álbum para este. A crítica sarcástica mantém-se atualizada abordando temas recorrentes, como a corrupção política, o compadrio, o fanatismo religioso, a exuberância demonstrada por uma sociedade em estado decadente, entre outros habitualmente menos falados mas igualmente importantes - ouçam Zé Faísca e facilmente perceberão que a banda está bem atenta! Depois, essa crítica vem acompanhada de um humor mordaz e com a invenção de uma nova língua portuguesa – Nuku, Mazé, Deix’ós, Bat’Chapa – carregada de sentimento de rua e de rebelião! Musicalmente, todo o álbum está bastante mais consistente, com os riffs precisos e um baixo a ganhar cada vez mais vida e influência. E também com vontade de incluir novos sons. Nuku da Europa entra por campos do ska e do reggae, Bat’Chapa aumenta consideravelmente a dose de peso numa linha mais hardcore e o tema título, melhor momento já criado pelos Chapa Zero, mostra-se em linhas de blues e ska. Pelo meio, a aventura de fazer uma versão eletrizada de Zumba na Caneca, tema tradicional popularizado pela Tonicha. A prova que para os Chapa Zero a música assenta no punk, mas não que ter, obrigatoriamente amarras fixas. E é essa liberdade que faz de Fia-te na Virgem e Não Corras um disco que merece toda a atenção.

Tracklist:
1.      Zé Faísca
2.      Chapa Gasta
3.      Tens a Mania
4.      Nuku da Europa
5.      Vão Mazé Trabalhar
6.      Zumba na Caneca
7.      O Fim da Noite
8.      Deix’ós Falar
9.      Fia-te na Virgem e Não Corras
10.  Bat’Chapa

Line-up:
Kaveirinha – vocais e guitarra ritmo
Marco António – guitarras e coros
Nuno Amaro – bateria e coros
Filipe Rodrigues – baixo e coros

Internet:
Facebook   

Edição: A Moca da Foca    

Sem comentários: