Review: Sliver & Gold (BACKYARD BABIES)


Sliver & Gold (BACKYARD BABIES)
(2019, Century Media Records)

Deve ser caso único haver uma banda que ao fim de 30 anos de carreira ainda mantenha o mesmo line-up. Isso acontece com os Backyard Babies que voltam à carga com um novo disco intitulado Sliver & Gold. São, de facto, 30 anos de rock ‘n’ roll com muita atitude e, agora, com muito saber. Por exemplo, os suecos sabem que este tipo de músicas não é dado a grandes malabarismos, por isso, acertadamente, fazem um disco onde metem 10 faixas em pouco mais de meia hora. Assim mesmo, uma rapidinha memorável. Porque não é preciso mais e tudo o que, eventualmente, se acrescentasse apenas serviria para diminuir o brilhantismo de Sliver & Gold. Portanto, temas curtos (três deles nem chegam aos três minutos de duração), diretos e cheios de adrenalina onde, por incrível que pareça, se consegue colocar tudo que uma boa malha deve ter. Sliver & Gold fica marcado pela existência de duas canções assombrosas que entram diretamente para a lista das melhores de sempre do coletivo – Shovin’ Rocks e A Day Late In My Dollar Shorts. Mas há outras que não ficam muito atrás – Simple Being Sold, Sliver And Gold ou Laugh Now Cry Later. Tudo junto para um disco de uma sensacional abordagem ao rock ‘n’ roll como ele deve ser nos dias de hoje.  [87%]

Highlights
Simple Being Sold, A Day Late In My Dollar Shorts, Sliver And Gold, Ragged Flag, Laugh Now Cry Later

Tracklist
1.      Good Morning Midnight
2.      Simple Being Sold
3.      Shovin’ Rocks
4.      Ragged Flag
5.      Yes To All No
6.      Bad Seeds
7.      44 Undead
8.      Sliver And Gold
9.      A Day Late In My Dollar Shorts
10.  Laugh Now Cry Later

Line-up
Nicke Borg – vocais, guitarras
Andreas Dregen – guitarras
Johan Blomquist – baixo
Peder Carlsson - bateria

Internet
Website    
Facebook    
Instagram    
Twitter    

Edição



Comentários