sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Entrevista: Slam & Howie And The Reserve Men

20 canções gravadas em 17 salas distribuídas por 7 países europeus. É esta a prenda que os Slam & Howie And The Reserve Men oferecem aos seus fiéis seguidores. Foi para saber como se sentem os suíços com o lançamento do seu primeiro trabalho ao vivo que voltamos a conversar com Lt Slam.

Viva! Mais uma vez obrigado pela vossa disponibilidade. Este é o vosso primeiro álbum ao vivo. Como se sentem?
Estamos muito felizes com o resultado. Para ser honesto, é ainda melhor do que o esperado. Colocamos muita energia no processo deste álbum ao vivo e valeu a pena cada minuto.

Quando decidiram que era o momento certo para um álbum ao vivo?
Desde a criação da banda em 2006, que já fizemos mais de 700 espectáculos por toda a Europa e lançámos cinco álbuns de estúdio. Estivemos a pensar em como poderíamos agradecer aos nossos fãs pelo apoio em todos esses diferentes países. Chegamos à conclusão de que um álbum ao vivo seria a coisa perfeita.

Como foi a escolha das músicas para este álbum? Eventualmente algumas boas canções ficaram de fora...
Sim, estás certo. Não foi fácil escolher as músicas para o álbum. Nós gostamos de fazer shows com duração até 2 horas ou até mais, mas a capacidade de um CD de áudio é apenas 80 minutos. Portanto, não poderíamos colocar todas as músicas do disco ao vivo, embora gostássemos… No final comparei todos os setlists do ano de 2013 e depois de uma análise matemática muito precisa saiu este setlist final para o CD. Como vês, é tudo uma fórmula (risos!). Uma condição dessa fórmula era, que deveria haver um número equilibrado de músicas de cada álbum. Funcionou muito bem, exceto que há nenhuma música de For A Fistful Of Songs. Mas, de qualquer maneira, era um disco semioficial.

Este é um álbum de genuíno rock 'n' roll, não achas? Como me disseste uma vez, é manufaturado, artesanal...
Sim, concordo totalmente e vejo isso como um grande elogio, porque era assim, exatamente que queríamos que soasse. Se estamos a falar de álbuns ao vivo… e muitos deles são falsos álbuns ao vivo com um público artificial, no fundo muitos álbuns ao vivo dos anos 80 são discos de estúdio. Mas se falamos de um primeiro álbum ao vivo, era claro que ele deveria soar como um verdadeiro show Slam & Howie: cru, selvagem e tão poderoso quanto possível. Não encontras nenhum overdubs de estúdio neste disco. É 100% gravado ao vivo e estamos orgulhosos com esse facto. Deves ser capaz de sentir o cheiro a cerveja e fumo de um concerto ao vivo.

Live All Over Europe, regista passagens por vários países. Tens alguma boa/engraçada história para contar a respeito desta tour?
Ross, o nosso tocador de banjo tocou em vários espetáculos com uma peça de roupa única, sexy, assim num misto Evel Knievel/Capitão América... Algo como um pijama cowboy. Foi um presente do nosso maior fã, Oliver, que apareceu em mais de 100 espetáculos nossos. Isso é porreiro! Há dezenas de outras histórias, mas o que aconteceu nos bastidores fica nos bastidores se me entendes…

Fizeram bastantes vídeos destes concertos…
Sim, durante a tour, em 2013 filmamos live-clips para determinadas canções como:
Wanna Be On The Road Again (www.youtube.com/watch?v=Leawr2EPD-g)

Curioso é o facto de terem um vídeo de Denial Of Will, embora essa música não apareça no álbum...
Esses clips ao vivo não estão relacionados com o álbum ao vivo. Por exemplo, em Madrid tocamos e gravamos Dead Flowers dos Rolling Stones de um modo muito espontâneo. Isso é o que nós gostamos no rock'n'roll combinada com a moderna tecnologia... Fazes um bom show, e no dia seguinte, editas e misturas o vídeo na tourvan e um dia depois já está no YouTube como um presente para os nossos fãs!

Depois de um álbum ao vivo, para quando um DVD ao vivo? Têm isso em mente ou não?
Seria muito bom produzir um DVD fixe ao vivo. Mas isso custaria uma porrada de dinheiro e nós preferimos continuar como uma banda de rock a trabalhar no duro do que ir à falência por causa de um live-dvd. Mas nunca digas nunca...

E outro álbum de estúdio? Tiveram tempo para trabalhar em novas músicas neste período?
Infelizmente não. Trabalhamos muito neste live-cd. Imagina, gravamos 38 espetáculos, em cada um tocamos mais ou menos 22 músicas. Isso quer dizer que tive de lutar com 836 canções diferentes dos Slam & Howie. Isso levou semanas e semanas e, portanto, não tive tempo para escrever novas músicas. Mas deixa-me dizer-te, há uma caixa enorme com canções inéditas e inacabadas, por isso, não te preocupes, estaremos de volta com um novo álbum de estúdio mais cedo do que tarde!

Bem, foi um prazer voltar a conversar contigo. Queres acrescentar mais alguma coisa?
Muito obrigado por vosso apoio e esperamos que todos gostem de Live All Over Europe tanto como nós. CHEERS!!

Sem comentários: